Gestao de pessoa - tipos de temperamentos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3860 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Definição
[pic]
A palavra temperamento vem do latim temperare, que significa "equilíbrio". Esta noção está ligada à teoria dos humores de Empédocles e de Hipócrates, na qual se defende que a saúde do ser humano depende de um equilíbrio entre os elementos que compõem este mesmo ser.

Em Psicologia, temperamento é mais comumente entendido ao que se refere ao aspecto da personalidade e dizrespeito às disposições e reações emocionais, bem como de sua rapidez e intensidade. Este conceito de temperamento está ligado a psicólogos como Jung, psicanalista; e Klages no seu tratado sobre caracterologia (1929).

Para ser honesto, o conceito de temperamento é ainda uma destas expressões que pode significar coisas diferentes para diferentes psicólogos. Apesar das divergências, estespesquisadores chegaram às seguintes conclusões (Barclay, 1991):

1. O construto temperamento é útil, apesar de ser praticamente inviável definir com precisão como ele interage com influências do meio ambiente;
2. Temperamento inclui elementos de energia: atividade, intensidade, vigor e ritmo de movimento tanto na fala quanto no pensamento; de reatividade: aproximação e afastamento de estímulos;emocionalidade e sociabilidade;
3. A origem do temperamento deve ser procurada em disposições biológicas;
4. As manifestações do temperamento são mais estáveis durante a vida de um indivíduo do que em qualquer outro aspecto da personalidade.

De qualquer forma, o estudo do temperamento começou a ser abordado, ao que se tem registro, pelo filósofo grego Empédocles e seu conterrâneo, o médico Hipócrates.Ambos seguidos, mais tarde, pelo greco-romano Galeno dentro do que ficou conhecida como a teoria dos humores. Outras tendências para se definir temperamento baseiam-se no formato do corpo (tendência iniciada por Kretschmer e atualizada por Sheldon nas teorias ditas morfológicas). Finalmente, temos enfoques do temperamento baseados mais em construtos psicológicos, dentre os quais podemos salientar ateoria de Jung e as tipologias mais modernas particularmente em voga em psicologia organizacional e da criança. Vamos detalhar um pouco algumas destas teorias.

Teoria dos Humores

Atribui-se a Hipócrates (460 – 370 a.C.) o fato de a medicina preocupar-se com problemas psiquiátricos.
Como resultado de suas cuidadosas observações e dos diferentes comportamentos humanos, ele formulou umateoria para explicar esses problemas. Criou uma teoria bioquímica em sua essência – a dos Quatro Temperamentos – que relacionou aos humores do corpo ou fluidos orgânicos (hoje falamos em hormônios e outras substâncias bioquímicas que podem induzir ou afetar o comportamento humano).

|Temperamentos |Humores Corporais (do grego*) |
|Sanguíneo|Sangue (* sanguis) |
|Colérico |Bílis amarela (* Kolé = bílis) |
|Melancólico |Bílis negra (* Melas = negro / Kolé = bílis) |
|Fleumático |Fleuma (* Phlema = fluído espesso) |

Por muitos séculos este conceito foi perpetuado, ou seja, poucas alterações aoconceito de Hipócrates foram oferecidas até o século XIX. Emmanuel Kant, filósofo alemão, foi o que mais influência teve sobre a divulgação da idéia dos quatro temperamentos na Europa.

A concepção de que o temperamento seja determinado por um fluído orgânico foi superado há muito tempo, mas a quádrupla classificação de elementos é ainda amplamente utilizada.

A classificação moderna, talvez amais popularmente conhecida, é o tipo "extrovertido" e o tipo "introvertido".
Na psicologia moderna, "temperamento é entendido como uma alusão aos aspectos da hereditariedade e da construção fisiológica que interferem no ritmo individual, no grau de vitalidade ou emotividade dos indivíduos. Nesse sentido, afirma-se que os indivíduos têm uma quantidade de energia vital, maior ou menor, que lhes...
tracking img