Freinet e vigotski

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1460 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Freinet (1896 – 1966) pregou uma nova escola a partir de uma filosofia de vida mais libertadora e foi tão bem sucedido que sua iniciativa está latente até hoje em escolas de todo o mundo. Ideias como aulas-passeio; troca de correspondência entre escolas; texto livre, que é a atividade onde a criança se expressa fazendo uma poesia, um texto, um desenho ou o que quiser; a correção em público dastarefas; grupos para fazer trabalhos; livro da vida, atividade que permite a exposição da forma como a criança vê a aula e a vida e imprensa escolar foram concebidas por ele.
Na Europa do século XIX o ensino começou a ser livre e não mais só para quem tinha condições de bancar um professor, algo muito difícil de fazer já que quase todo mundo era analfabeto por lá. Mesmo assim o ensinocomeçou a entrar em contato com a população leiga, tornando-se um direito de cada civil. Três anos de ensino primário como obrigação e mais um pra quem ficasse interessado e quisesse continuar. Foram construídas muitas escolas e o número de professores aumentou bastante. Aumentou também a quantidade de matérias estudadas e, nos fins do século, os anos de estudos, que ainda eram precários.Freinet nasceu no ano de 1896, final do século XIX, e passou um período desagradável como estudante. Juntando a isso a experiência como soldado na primeira guerra mundial o resultado produzido em Freinet foi um desejo de investir tempo e energia para tornar o mundo um lugar melhor, tanto quanto fosse possível. Ele fez isso integrando o grupo dos que revolucionaram os métodos que o liberalismoclássico estabeleceu para o ensino.
Pode-se perceber que a base do empreendimento pessoal foi o sincero e profundo respeito que Freinet tinha pelas crianças. Ele sempre defendeu que a criança possui a mesma natureza do adulto devendo, portanto, ser tratada como igual, sem demonstração de superioridade por parte de quem lhe ensina. Freinet se distingue dos outros pensadores de sua épocadefendendo a livre expressão, o trabalho, a cooperação e a experiência como princípios fundamentais e inseparáveis de uma educação descente.


http://www.slideshare.net/lermaisemelhor/a-vida-no-sculo-xix-presentation

http://pt.wikipedia.org/wiki/C%C3%A9lestin_Freinet

http://pedagogia.tripod.com/infantil/freinet.htm
Vigotsky


Lev Seminovitch Vigotsky é umdos teóricos da educação mais reconhecidos da história. No seu trabalho, encontra-se uma visão de desenvolvimento baseada na concepção de um organismo ativo, cujo pensamento é construído paulatinamente num ambiente que é histórico e essencialmente social. O sujeito é herdeiro da evolução filogênica e cultural, e seu desenvolvimento se dá em função do meio social em que vive, portanto sua teoria éconsiderada histórico-social. Nesta teoria é dado destaque as possibilidades que o indivíduo dispõe a partir do ambiente em que vive e que dizem respeito ao acesso que o ser humano tem a “instrumentos físicos”, como uma faca, uma mesa, e “instrumentos sociais”, como a cultura, costumes, valores (signos e linguagens) desenvolvidos em gerações precedentes. Vygotsky mostra que o desenvolvimento se dáde fora para dentro, preparando o educador para preparar o educando.
Para Vygotsky, a aprendizagem da criança antecede a entrada na escola e que o aprendizado escolar produz algo novo no desenvolvimento infantil, evidenciando as relações interpessoais.
A aprendizagem acontece em todo lugar. O processo de formação de pensamento é despertado e acentuado pela vidasocial e pela constante comunicação que se estabelece entre crianças e adultos, a qual permite a assimilação da experiência de muitas gerações. A linguagem intervém no processo de desenvolvimento intelectual da criança desde o nascimento. Quando os adultos nomeiam objetos, indicando para a criança as várias relações que estes mantém entre si, ela constrói formas mais complexas e sofisticadas de...
tracking img