Estudo de caso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1915 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA- UNIVERSO
BACHARELADO EM ENFERMAGEM







Estudo de Caso Estágio Criança
Pneumonia























SÃO GONÇALO- RJ
2012
ALUNA







Estudo de Caso Estágio Criança
Pneumonia












Trabalho apresentado ao Curso de Bacharelado em Enfermagem da Universidade Salgadode Oliveira- UNIVERSO, pela turma N1 como requisito parcial para avaliação da disciplina estágio supervisionado II.


Orientador: Prof. Ruth.









SÃO GONÇALO- RJ
2012
RESUMO



Trata-se de uma pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva, do tipo estudo de caso, elaborado por acadêmico de enfermagem do 8º período do curso de graduaçãoda Escola de Enfermagem da Universidade Salgado de Oliveira. O interesse por este estudo surgiu a partir da identificação de uma cliente (criança) com Pneumonia, em período de internamento, num hospital de emergência da criança em São Gonçalo. Este com tratamento e possibilidade de cura. Diante disto objetivamos: detectar os problemas de saúde existentes, seguindo o critério de Diagnóstico deEnfermagem, traçar um plano de cuidados; contribuir para melhoria da qualidade de vida do cliente; aperfeiçoar nossos conhecimentos a respeito dos problemas identificados e ampliar nosso conhecimento sobre o que deverá ser feito em benefício do paciente/ cliente. Os dados foram coletados através de anotações em prontuário pela equipe multifuncional, que estar assistindo o paciente.

SUMÁRIO
1 -Identificação do paciente
1. - História do paciente
2. - Exame clinico do médico
2 - Diagnóstico médico
3 – Fisiopatologia da doença
4 – Prescrição médica da emergência
4.1 – Prescrição médica da internação
5 – Farmacologia das medicações prescritas
6 - Cuidados de enfermagem

7 – Exames laboratoriais

8 – Referências bibliográficas













1- IDENTIFICAÇÃO DOPACIENTE

Paciente infantil do sexo feminino L.R.M. com 3 ano e 10 meses, data de nascimento 13/11/09. Deu entrada nesta unidade de Emergência da criança localizado no município de São Gonçalo, no dia 03/09/12 às 11:07 horas.


1.1 HISTÓRIA DA INTERNAÇÃO

Segundo o relato da mãe, a criança apresentou febre a 02 dias de 38.8°C, tosse produtiva no mesmo período da febre 02 dias e dorabdominal, nega qualquer tipo de alergias medicamentosa.


2. - EXAME CLINICO DO MÉDICO
Segundo o exame físico realizado pela pediatra, paciente em bom estado geral, nuca livres e sem petéquias, orofaringe sem alterações, murmuro vesicular universalmente audível, “sem esforço respiratório” (sem dispnéia), ritmo cardíaco regular em 2 tempos, com bulhas normofonéticas, abdome flácido,palpável.


2- DIAGNÓSTICO MÉDICO

PNEUMONIA


3- FISIOPATOLOGIA DA DOENÇA

Em regra, as características da via aérea superior evitam que as partículas potencialmente infecciosas alcancem o trato respiratório inferior normalmente estéril. Dessa maneira os pacientes com pneumonia causada por agentes infecciosos freqüentemente apresentam uma doença subjacente aguda ou crônica quecompromete as defesas do hospedeiro. A pneumonia origina-se da flora normalmente presente em um paciente cuja resistência foi alterada ou resulta da aspiração da flora presente na orofaringe. Ela também pode resultar de organismos transmitidos pelo sangue que penetram na circulação pulmonar e são aprisionados no leito capilar pulmonar, tornando-se uma fonte potencial de pneumonia. (Brunner e Suddarth2005).
As doenças pulmonares restritivas são patologias em que o maior problema é a limitação da expansão dos pulmões, dificultando a inspiração. Pode ocorrer uma alteração do interstício pulmonar, isto é, o tecido pulmonar em si, originando uma restrição intrínseca, enquanto que outras alterações que restrinjam a expansão pulmonar, por exemplo, hipercifoses, denomina-se extrínseca....
tracking img