Estudo de caso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2705 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SINDY DAIELE ROSSI


ESTUDO DE CASO:
ASCITE, INSUFICIÊNCIA CARDÍACA CRÔNICA (ICC), HIPERTENSÃO ARTERIAL E DIABETES MELLITUS




Formosa - GO
Novembro/2011

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS

SINDY DAIELE ROSSI

ESTUDO DE CASO:
ASCITE, INSUFICIÊNCIA CARDÍACA CRÔNICA (ICC), HIPERTENSÃO ARTERIAL E DIABETES MELLITUS

Trabalho referente à disciplina de ESTÁGIOSUPERVISIONADO do 4° período do Curso de ENFERMAGEM da FACULDADES IESGO Orientada pela professora FERNANDA ALMEIDA.

Formosa-GO
Novembro/2011

INTRODUÇÃO

O presente trabalho foi realizado no âmbito do ESTÁGIO SUPERVISIONADO, na disciplina de FUNDAMENTOS II, na Área de ENFERMAGEM, do INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS (IESGO). Visando o estudo de um caso clinico de Ascite, Insuficiência CardíacaCrônica (ICC), Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus.
Mais do que conhecer mais sobre o assunto, pretendi enriquecer-me, pessoal e profissionalmente e ainda promover junto da professora Fernanda Almeida atitudes conducentes ao sucesso educativo, independentemente da condição específica de cada paciente.
Ao longo do trabalho, para além da definição de alguns conceitos, apresentarei informaçõesrelevantes sobre as doenças Ascite, Insuficiência Cardíaca Crônica, Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus.

HISTÓRICO DO PACIENTE

Paciente R. P. S. 69 anos, solteiro, foi admitido na unidade hospitalar do Hospital Municipal de Formosa, no Estado de Goiás, com quadro clínico de ascite, insuficiência cardíaca crônica (ICC), hipertensão arterial e diabetes.

Ao Exame Físico GeralPaciente consciente, orientado, verbalizando, deambulando. Crânio: sem anormalidades e sem sujidades. Pavilhões auriculares: limpos, com acuidade auditiva diminuída. Nariz: sem anormalidades e com presença de secreção. Boca: sem anormalidades, paciente com uso de prótese dentária. Pescoço: sem anormalidades, sem presença de linfonodos e pulso carotídeo presente. Tórax: sem alterações anatômicas e mamassimétricas. Aparelho respiratório: com boa expansividade, som claro e sem presença de ruídos adventícios pulmonares. Aparelho cardiovascular: ausculta cardíaca: bulhas rítmicas, normofonéticas em 2 Tempos (2T), paciente com uso de marca-passo. Abdome: sem anormalidades, plano e pele normal. Ausculta: ruídos hidroaéreos presente e som timpânico. Palpação: sem anormalidades, indolor á palpação.Aparelho geniturinário: diurese presente, cor amarelo escuro sem presença de grúmulos, e SIC: fezes presentes e pênis sem anormalidades. Membros superiores: pele normal, sem anormalidades, hidratação venosa em MSD. Membros inferiores: edemaciados. Sinais Vitais (SSVV): PA: 120x80 mmHg, FC: 71 bpm, FR: 17 mrpm.

ESTUDO DAS PATOLOGIAS

Ascite

Ascite é o acúmulo anormal de líquido no abdome, emtorno do intestino e outros órgãos abdominais. Conforme sua causa, contém quantidade variada de células, bactérias, proteínas e outras substâncias.
Em nosso meio, a grande maioria dos casos de ascite ocorre em portadores de cirrose por alcoolismo e pelos Vírus da Hepatite B e C. A insuficiência cardíaca, os tumores comprometendo o peritônio (camada que reveste internamente o abdome), metástaseshepáticas e tuberculose peritoneal são causas importantes, mas bem menos frequentes. Mais raramente, a ascite pode ocorrer por obstrução da circulação sanguínea hepática (trombose da veia porta ou das supra-hepáticas), por perda excessiva de proteína na urina (síndrome nefrótica), por desnutrição protéico-calórica, por hipotireoidismo ou pancreatite aguda.
O aumento do volume abdominal pode servisível. Às vezes, só é percebido porque a cintura da roupa ficou apertada ou pelo surgimento de hérnias abdominais ou inguinais.
O desenvolvimento da ascite costuma ser lento e progressivo, ao longo de semanas a meses, sem que ocorram dor ou outras alterações. O fígado produz uma proteína, a albumina, que retém a água nos vasos sanguíneos. O fígado com cirrose é incapaz de produzir albumina e...
tracking img