Efren

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1749 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CAPITULO 1
4ª Parte

HORA DA HISTÓRIA
Texto Base: Gênesis cap. 6-9
“Porém Noé achou graça diante do Senhor. Gn 6.8”.

A ARCA DE NOÉ

A família de Adão e Eva havia crescido bastante, a terra estava cheia de novas pessoas, mas quase todos se esqueceram de que Deus os havia criado e não ligavam mais em adorá-lo e obedece-lo. As pessoas ficaram muito más: xingavam,brigavam, roubavam, mentiam... Faziam tudo o que entristecia Deus.
Porém, numa terra distante, vivia um velho e sábio camponês chamado Noé. Ele era um homem bom e vivia com sua família uma vida tranqüila e pacífica, louvavam ao Senhor por tudo o que tinham, pois eram gratos a ele.
Um dia, quando estava cuidando da sua plantação, Noé ouviu a voz de Deus. "Noé, as pessoas ficaram muito más ese esqueceram de mim, elas estão fazendo coisas muito feias". “Eu quero que você construa um barco bem grande, uma arca. Então coloque dentro da arca um casal de todos os tipos de animais que existem no mundo, porque eu vou mandar um grande dilúvio e tudo que existe morrerá, mas sua família e essas criaturas serão salvas porque são os únicos que me amam e obedecem”.
Noé fez o que Deus pediu.Juntou uma grande quantidade de madeira que havia nas suas terras e dia após dia, ele e seus filhos - Sem, Cam e Jafé - martelavam e pregavam as pranchas da arca.
Finalmente o enorme barco estava pronto. Havia uma rampa de madeira que chegava até a porta. Assim que Noé pôs de lado suas ferramentas, seu filho chamou: "Pai", gritou ele, "olhe lá".
Noé olhou e viu, descendo pelasestradas e colinas, animais grandes e pequenos que se aproximavam. Pássaros enchiam o ar. Formigas, joaninhas e aranhas corriam pelo chão. Com um retumbar de passos e uma agitação de asas, os animais entravam na arca. Com seus passos de trovão, os elefantes balançam a rampa todinha. Coelhos enormes saltavam. A família de Noé observava o embarque, enquanto um macho e uma fêmea de todos os animaisexistentes na terra encontravam um lugar a bordo da arca. O interior da arca estava ficando lotado.
Noé sentiu um leve toque no seu ombro. Era um assustado pombinho branco, inclinando-se para junto dele. "Não se preocupe, pequenino", disse Noé acariciando o pescoço do passarinho. Então Noé começou a escutar, Ploc! Ploc! Ploc! Eram as primeiras gotas de chuva que começavam a cair no casco da arca,era o momento de fechar a porta.
E choveu, e choveu e choveu. A água levantou a arca do chão. Flutuando na enchente, ela subiu acima das árvores. Depois, acima das mais altas montanhas. A chuva caiu por 40 dias.
Os animais se sentiam seguros dentro da arca enquanto ela era levada pelas águas. A família de Noé alimentou-os e lhes deu banho. Cam esfregava as costas dos porcos, Jafélixava as unhas das patas do rinoceronte... E o pombinho ia para todo canto no ombro de Noé.
Finalmente a chuva parou. As águas acalmaram. A luz do sol brilhou no convés molhado da arca. Noé abriu uma janela. "Vá, amiguinho” disse para um Corvo. "Vá por aí e procure por terra".
O Corvo voltou duas horas mais tarde, cansado e triste. Noé deixou-o descansar. Então depois de uns diassoltou o pombinho, mas ele também não achou terra seca, dias depois tornou Noé a soltar o pombinho, mas desta vez o pombinho voltou todo alegre, com um ramo de oliveira no bico. "Terra!", gritou Noé. "Abençoado seja, pequenino!".
Assim que a água começou a baixar, Noé viu que a arca estava pousada no alto de uma montanha. As árvores e os campos começaram a aparecer logo abaixo. Quando a terraficou seca, Noé abriu as portas da arca. Aos pares e em famílias, os animais deixaram o barco. Eles corriam, voavam e deslizavam pelo vale ensolarado.
Um lindo arco-íris apareceu no céu. E Deus falou novamente com Noé. "Este arco-íris é um sinal”, disse Deus. "Eu prometo que nunca mais uma inundação irá cobrir toda a terra novamente".
E Noé e sua família, se instalaram no vale. Eles...
tracking img