Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4251 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Teorias e perspectivas nos estudos organizacionais: por uma psicologia social organizacional e do trabalho. Izabela Maria Rezende Taveira ( UERJ) izabelataveira@gmail.com 1. Organizações e trabalho: construtos entrelaçados A história do trabalho revela o entrelaçamento entre os conceitos de organização e trabalho. Organizações e trabalho parecem ser conceitos interdependentes, pois que o trabalhohumano ocorre na maioria das vezes dentro das organizações sociais de produção. Atender aos interesses individuais e coletivos de modo que estes sejam cada vez mais compartilhados é um dos maiores desafios psicossociais. Para isso torna-se necessário refletir sobre o sentido da existência das organizações sociais e da sua interdependência com as questões que atravessam o trabalho humano. Ocotidiano de qualquer pessoa é marcado por intensos e inúmeros contatos com diferentes tipos de organizações, a saber: escolas, creches, hospitais, clubes, cartórios, universidades, restaurantes, supermercados, órgãos públicos, lojas, entre outros tipos de organizações. A qualidade de vida do ser humano depende de como os processos que configuram tais organizações funcionam. De acordo com Schein (1982),a organização é um sistema social complexo que deve ser estudado como tal quando se deseja realmente compreender o comportamento individual. Para ele as organizações existem em função de quatro propriedades principais: coordenação, objetivos comuns , divisão do trabalho e integração. “(...) quando diversas pessoas coordenam seus esforços, verificam elas que, em conjunto, conseguem realizar maisdo que qualquer uma delas conseguiria se atuasse sozinha” ( SCHEIN 1982:10). Assim, a organização maior, ou seja, a sociedade, torna possível, através da coordenação das atividades de muitas pessoas, o atendimento das necessidades dos seus membros. Os objetivos comuns mostram como eles precisam ser compartilhados e tornamse necessários para que tal coordenação funcione gerando resultados úteis. Jáa propriedade de divisão do trabalho está ligada a idéia de diferenciação de função, o que pode ser dividido por tipos de tarefas, localização geográfica , objetivos, talentos disponíveis dentro da organização ou ainda baseado em qualquer outro fundamento lógico.A última propriedade mostra a necessidade da função integradora para assegurar que todos os elementos trabalhem pelos objetivosestabelecidos de comum acordo. Para Schein (1982):
Uma organização é a coordenação planejada das atividades de uma série de pessoas para a consecução de algum propósito ou objetivo comum, explícito, através da divisão do trabalho e função através de uma hierarquia de autoridade e responsabilidade. (p. 12)

Desse modo as organizações podem ser consideradas entidades abstratas e ou psicológicas noentanto, elas são reais e podem, de fato, serem consideradas vivas. As pessoas que fazem parte ou não de uma organização como toda uma sociedade reagem ao comportamento de tal entidade. Quando uma empresa entra em processo de falência, não é incomum a referência à “morte” dessa entidade anteriormente viva. 2. História das escolas organizacionais. Morgan (1996, 2007) usa de metáforas para facilitar acompreensão dos diferentes significado de uma organização. Para ele os seres humanos tentam formular

concepções sobre o mundo de maneira simbólica, tentando tornar o mundo concreto, dando-lhe uma forma, criando uma imagem para o objeto que estuda. Assim na sua concepção, o cientista, como os outros na vida cotidiana, recorre a construtos simbólicos para estabelecer relações concretas entre o mundoobjetivo e subjetivo, num processo que capta apenas uma pequena parte da visão de ambos. (Quadro 1)
Quadro 1 – Definição de “ Organização” nas diferentes metáforas identificadas por Morgan (1996) Metáfora Definição de organização Máquina As organizações são “maquinas feitas de partes que se interligam, cada uma desempenhando um papel claramente definido no funcionamento do todo” (p.17). “...
tracking img