Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (308 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
VARIAÇÃO DE DÍVIDA PODE FICAR NO PATRIMÔNIO

Esta matéria foi escolhida porque ela fala sobre todo o conteúdo que estamos vendo nas aulas da teoria da contabilidade .
Ela falasobre o IASB e o IFRS , também é usado na matéria os termos;
Contábeis , valor justo , patrimônio da entidade , resultados , mensuração , ativos , registro , conta de lucros e prejuízos, patrimônio líquido , conta de resultados .
Ao meu ver a matéria ressalta de uma maneira resumida o estudo que tivemos neste semestre , como por exemplo o IRFS ,  as normas contábeisinternacionais , como as citações abaixo que compara normas utilizadas no Brasil com o IFRS ;
O modelo atual, usado no Brasil, do IAS 39, segue uma lógica diferente, que não é a domodelo de negócios, mas que também prevê que em alguns casos a variação do valor justo de instrumentos financeiros seja registrada contra o patrimônio, e não no resultado.
Isso ocorreapenas quando os instrumentos estão dentro da categoria "disponíveis para venda" e vale tanto para títulos de dívida como para ações - o que não será permitido no IFRS 9.
O Iasb tambémdisse que vai permitir adoção antecipada de uma parte do IFRS 9, sobre registro do valor justo da própria dívida.
Pela contabilidade atual usada tanto nos EUA como na Europa e no Brasil, aempresa registra lucro quando sua própria qualidade de crédito piora. Como os preços dos títulos no mercado secundário diminuem, a dívida da empresa fica menor, e isso é registrado comoum ganho na conta de resultados.
No IFRS 9, que ainda não tem adoção obrigatória, já existe a previsão de que essa variação do passivo seja registrada no patrimônio e não no resultado.Minuta de ajuste ao IFRS 9 divulgada pelo Iasb permite que as empresas adotem antecipadamente apenas essa parte do pronunciamento, mesmo que não sigam as demais orientação da norma. (FT)
tracking img