Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2269 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Economia




1 INTRODUÇÃO

A opção deste grupo foi pesquisar a área ceramista, uma vez que na micro região de Rio Claro há um Arranjo Produtivo Local – APL, com aproximadamente 30 empresas fabricantes de produtos cerâmicos.
De acordo com informações obtidas através da ANFACER – Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres, umdos materiais mais antigos produzidos pelo homem é a cerâmica, feita a partir da terra ou argila queimada. Dados de pesquisa revelam que sua produção teve início há cerca de 10/15 mil anos. No Brasil os primeiros indícios cerâmicos foram encontrados através de escavações arqueológicas na Ilha do Marajó.
As primeiras produções de vasilhas em cerâmica eram feitas de forma rudimentar apenaspara satisfazer as necessidades de armazenamento de água e gêneros alimentícios pelo homem das cavernas.
A produção atualmente encontrada em praticamente todos ambientes habitados pelo homem em forma de acabamento e artefatos com valor estético, em atividade industrial, instrumentos domésticos, construção civil, materiais usados por artistas plásticos e na tecnologia de ponta utilizada nafabricação de foguetes espaciais, ganha em qualidade e inovação se comparada com os primeiros produtos de que se tem notícia.
O objetivo desta pesquisa é colher informações referentes ao volume de vendas de pisos cerâmicos na região que está sendo avaliada.


2. VOLUME DE VENDAS E PRODUÇÃO

2.1 Mercado Interno
A busca por pisos e revestimentos é cada vez mais procurada pelo aumentoda construção civil, reformas ou até mesmo por motivos estéticos. A evolução do mercado consumidor na área de cerâmica cresceu muito em todas as classes sociais, principalmente nas mais baixas, (C e D) pela facilidade nas compras, através de financiamentos e parcelamentos. Esse aumento significativo do mercado consumidor permitiu um crescimento nas vendas de 37% entre os anos de 2006 a 2008. Noinício de 2009 sofreu queda de 1,3% devido à crise econômica internacional que se instalou em praticamente todos os continentes. A partir de 2010 o mercado cerâmico voltou a crescer atingindo as expectativas de todo o setor ceramista.
O gráfico 1 mostra a produção e vendas do mercado interno para o setor de revestimentos cerâmico, durante o período de 2006 a 2012
Gráfico 1 – Produção e Vendas[pic]
Fonte: Anfacer (2012)
2. Vendas – Exportação
As exportações brasileiras de revestimentos cerâmicos sofreram um acréscimo considerável no ano de 2011, totalizando uma produção 60,1 milhões de metros quadrados, correspondente a US$ 280.2 milhões, tendo como principal destino os países da América do Sul, América Central, América do Norte e Caribe.
.

[pic]
 



Algumasempresas da área de cerâmicas são; Delta, Savane, Buschinelli e Christofoletti entre outras mais.

3 . Para a produção de placa cerâmica para revestimento (pisos):
São considerados alguns custo para produzir.A existência de custos é uma consequência directa da existência de produção, De facto, para produzir é necessário utilizar factores produtivos tais como matérias-primas, equipamentos, energia,instalações, trabalho, entre outros; dado que estes factores produtivos são escassos, as empresas para os poderem utilizar têm de pagar um preço, ou seja, têm de incorrer em custos.
Constitui tarefa das empresas procurarem métodos de produção eficientes, ou seja, que permitam o máximo de produção ao mínimo custo.
 
Custos Totais, Fixos e Variáveis.
A primeira distinção que pode ser efectuadana análise económica dos custos é entre custos totais, custos fixos e custos variáveis:
Custo Total: representa a menor despesa total necessária para atingir um determinado nível de produção.

Custo Fixo: representa a parte da despesa que não é afectada pelo nível de produção, ou seja, o montante de despesa que se verifica mesmo que o nível de produção seja zero. Por exemplo, numa empresa de...
tracking img