Desvio de prazo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1226 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
25

7. ANEXOS – PROCEDIMENTOS DOS INDICADORES

OBJETIVO
Avaliar o desempenho da obra finalizada, através da relação entre o custo orçado e o custo efetivo.

INSERÇÃO NO PROCESSO
Para possibilitar esse cálculo, é necessário que a empresa realize um controle sistemático dos custos
ao longo da obra, calculando-se o desvio de custo mensal (ver indicadores complementares).
Geralmente, ocálculo deve ser realizado pela gerência da obra ou pelo setor de orçamentos da
empresa.

FÓRMULA
Unidade de medida: %
DC =

C real − C orçado
× 100
C orçado

Custo Orçado (R$): custo dos serviços e materiais obtido a
partir do orçamento discriminado da obra, excluído o BDI;
Custo Real (R$): custos reais de serviços e materiais
incorridos na obra.

DIRETRIZES DE ANÁLISE
A análise doindicador, em geral, deve ser realizada tanto pela gerência da obra quanto pela diretoria
da empresa.
O resultado deste indicador indica se a obra tem custos acima (quando o resultado for positivo) ou
abaixo (quando o resultado for negativo) com relação ao planejado.

PERIODICIDADE
Unidade de análise
Por empreendimento

Periodicidade de coleta
na empresa

Periodicidade de envio
para oBanco de Dados

Periodicidade do
valor de benchmark

Coletado uma vez ao
término da obra

Envio ao término da obra

Semestral

Medição de Desempenho para Empresas de Construção Civil – Goiânia 01/06/2005

26

OBJETIVO
Avaliar o desempenho da obra finalizada, através da relação entre o prazo previsto e o prazo efetivo.

INSERÇÃO NO PROCESSO
É importante o monitoramento dosdesvios de prazos ao longo da obra. Para tanto podem ser
utilizadas ferramentas como Linha de Balanço, Gráficos de Ritmos, Curvas de Agregação de
Recursos entre outras, visando o monitoramento de desvio de ritmo de algumas atividades e avanço
físico ao longo da obra.
Em geral, esse indicador deve ser calculado pela gerência de produção.

FÓRMULA
Para o cálculo desse indicador, deve-seconsiderar:
o início da obra, a partir do momento em que ocorre a mobilização contínua dos trabalhadores
no canteiro e;
o término da obra, a partir do momento em que ocorre a desmobilização dos trabalhadores do
canteiro.
Em obras contratadas, como as obras públicas e privadas, deve-se considerar o início e o fim do
contrato, como o início e o fim da obra, respectivamente.

DP =

Preal − PprevistoPprevisto

Unidade de medida: %
× 100

Pinicial (dias): prazo previsto de execução da obra;
Preal (dias): prazo real de execução da obra.

DIRETRIZES DE ANÁLISE
O resultado deste indicador indica o tempo que a obra está atrasada (quando o resultado for positivo)
ou adiantada (quando o resultado for negativo) com relação ao planejado.

PERIODICIDADE
Unidade de análise
Porempreendimento

Periodicidade de coleta
na empresa

Periodicidade de envio
para o Banco de Dados

Periodicidade do
valor de benchmark

Coletado uma vez ao
término da obra

Envio ao término da obra

Semestral

Medição de Desempenho para Empresas de Construção Civil – Goiânia 01/06/2005

27

OBJETIVO
Avaliar a eficácia de planejamento de curto prazo da obra, avaliar a qualidade dosplanos de curto
prazo, bem como identificar problemas na execução de tarefas e orientar a implementação de ações.
Este indicador pode ser utilizado também para avaliar o grau de comprometimento dos subempreiteiros através do controle dos pacotes de trabalho que foram executados em relação ao
planejado.

INSERÇÃO NO PROCESSO
O termo pacote de trabalho pode ser entendido como uma tarefa designadaà determinada equipe
de trabalho com tamanho possível de ser completado em um determinado horizonte de tempo e que
tem sua conclusão facilmente identificada. Para os pacotes de trabalho serem considerados bem
definidos, devem conter três elementos: (a) a ação, que indica a natureza da tarefa executada
(montagem, escavação e etc.); (b) o elemento, que se refere a um componente físico do...
tracking img