Redes sen fio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 81 (20164 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Capítulo

2
Segurança em Redes Mesh: Tendências, Desafios e Aplicações
Elisangela Santana Aguiar¹, Rafael Lopes Gomes², Antônio Jorge Gomes Abelém2, Douglas Brito Damalio2 e Billy Anderson Pinheiro3.
¹ Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica, Universidade Federal do Pará (PPGEE/UFPA) ² Faculdade de Computação, Universidade Federal do Pará (FC/UFPA) 3 Programa de Pós-Graduação em Ciênciada Computação, Universidade Federal do Pará (PPGCC/UFPA)

Abstract Mesh networks are multi-hop wireless networks emerging as a low cost infrastructure for community access networks and digital cities. In this context, support for killer applications such as cooperative services and mobile multimedia applications are the in great demand. This mini-course aims at presenting, in a theoretical way,main problems, solutions and challenges for providing security in wireless mesh networks. The course has three main focuses: the mesh networks contextualization; Security issues in wireless mesh networks, with your challenges and deficiency and; the main proposals found in the literature. Resumo Redes mesh são redes em malha sem fio autoconfiguráveis e de crescimento orgânico. Recentemente vêm sendoconsideradas como infra-estrutura de baixo custo para a construção de redes de acesso comunitárias e de cidades digitais. Neste contexto, é grande o interesse em suportar aplicações multimídia como telefonia IP móvel, e aplicações cooperativas. Este mini-curso tem como objetivo apresentar, de maneira teórica, os principais problemas de segurança em redes mesh e a discussão de soluções propostaspara solucioná-los. O curso tem três focos principais: a contextualização das redes mesh; o estado da arte e as questões de segurança em redes em malha sem fio, com seus desafios e deficiência e; as principais propostas encontradas na literatura.

2.1. Introdução
Desde a apresentação, em 1997, do padrão IEEE (Institute of Electrical and Electronic Engineers) 802.11, muitas aplicações vêm sendocriadas para esta tecnologia. Seu principal uso é em redes locais e públicas, através de pontos de acesso interligados diretamente a uma rede fixa cabeada tradicional (wired), utilizando redes 802.11 infraestruturadas [GT-Mesh 2006]. Com o avanço das tecnologias sem fio (wireless) e o baixo custo destes produtos, o uso de dispositivos móveis que se comunicam através de ondas de rádio está se tornandocada vez maior. Por esta razão, mais estabelecimentos comerciais como shoppings e aeroportos estão procurando meios, através da tecnologia sem fio, para oferecer aos seus clientes acesso à Internet banda larga. Uma dessas novas aplicações são as redes em malha sem fio, mais conhecidas como redes mesh (WMN - Wireless Mesh Networks). Este novo tipo de rede dispensa o uso da rede fixa entre ospontos de acesso utilizados para realizar o roteamento do tráfego entre si dinamicamente. As redes em malha sem fio, também conhecidas como redes comunitárias de acesso sem fio, surgiram da constatação de que as redes sem fio poderiam ser aproveitadas para reduzir o custo da “última milha” no acesso à Internet. Através da colaboração entre os nós, um enlace com a rede fixa poderia ser compartilhado,permitindo um uso mais eficiente da banda, evitando o custo da passagem de fios até os usuários finais [Breuel 2004]. Uma rede mesh possibilita a comunicação entre diferentes dispositivos. Alguns participantes comporão a estrutura principal da rede, ou seja, formarão o backbone, trabalhando apenas como roteadores, e comunicando-se via interface sem fio. Outros nós podem se conectar a estesroteadores por cabos e trabalharem apenas como clientes [GT-Mesh 2006]. As redes mesh assemelham-se em muito às redes móveis Ad-hoc (Mobile Ad-hoc networks, ou MANETs), já que ambas utilizam transmissão sem fio e têm topologia dinâmica variável e de crescimento orgânico. A principal diferença entre as duas tecnologias, no entanto, reside no fato de que nas redes mesh os nós clientes não precisam...
tracking img