Cross docking

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1339 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A OPERAÇÃO DE CROSS-DOCKING
Fábio Barroso

Introdução

O atual ambiente de negócios exige operações logísticas mais rápidas e de menor custo, capazes de suportar estratégias de marketing, gerenciar redes de fornecedores e clientes, e viabilizar práticas como Just-In-time. O cross-docking é um conceito de operação logística interessante como resposta a essas necessidades. Ele acelera o fluxode mercadorias, reduz os custos por condensar cargas e, idealmente, dispensa armazenagem. Vejamos por que. O fundamento básico do cross-docking é o roteamento dos produtos que vêm dos fornecedores para os consumidores sem estocagem. Para uma melhor compreensão do que se trata, vejamos o seguinte exemplo. Vamos considerar a operação de uma rede de mini-mercados instalados em postos de gasolina.Suponhamos que existem cinco tipos de produtos, cada um com seu fornecedor exclusivo: bebidas, biscoitos, chocolates, revistas e cigarros. Também consideremos que existam 20 lojas. Assim, cinco caminhões (um de cada fornecedor) chegam ao armazém pelo lado chamado “entrada”. Vinte caminhões entram pelo lado “saída”. Os produtos, à medida que são retirados dos caminhões dos fornecedores, sãoencaminhados (roteados) para os veículos que levarão as mercadorias para as lojas, na quantidade certa para cada cliente. Essa operação leva poucas horas e dispensa qualquer estocagem. Analisemos o que aconteceu nesse exemplo. O fluxo de mercadorias foi acelerado porque os fornecedores e clientes se “encontraram” todos no mesmo lugar, e não houve grandes esperas ou armazenagens. O custo foi reduzido porquetanto as cargas de entrada como de saída eram condensadas, tinham uma única origem (respectivamente fábrica e CD) e um único destino (respectivamente CD e loja). Tudo isso foi conseguido apesar de se trabalhar com cinco fornecedores e 20 lojas. Ou seja, verificamos através de

um exemplo como o cross-docking pode oferecer respostas aos desafios logísticos que vimos no primeiro parágrafo. Algunsproblemas, no entanto, podem acontecer. Um deles é conseguir toda essa coordenação para reunir cinco fornecedores sem grandes atrasos. Por outro lado, gerenciar as informações de seleção, arrumação e roteamento dos produtos com um mínimo de estocagem pode ser crítico. Esses são os principais problemas técnicos a serem solucionados para implementação do cross-docking.

Definição de cross-dockingUma definição bastante simplista de cross-docking é: “cross-docking é uma operação na qual os produtos são roteados aos seus destinos tão logo são recebidos em um armazém ou centro de distribuição”. Uma outra definição, mais elaborada, é: “cross-docking é um processo onde produtos são recebidos em uma dependência, ocasionalmente junto com outros produtos de mesmo destino, são enviados na primeiraoportunidade, sem uma armazenagem longa. Isso requer alto conhecimento dos produtos de entrada, seus destinos, e um sistema para roteálos apropriadamente aos veículos de saída”. Independente de qual frase seja adotada como definição, existem três pontos essenciais para que uma operação seja chamada de cross-docking. 1. O tempo total de permanência da mercadoria nas dependências onde ocorre ocross-docking deve ser levado ao mínimo. Alguns especialistas limitam o tempo máximo para que se considere cross-docking como um dia; alguns prestadores de serviços logísticos, por outro lado, não cobram taxas de estocagem se o produto permanecer até três dias. O que se deve ter em mente é que o tempo de permanência dos produtos é um fator crítico em um crossdocking. 2. Após o recebimento, o produtodeve ser enviado diretamente ao veículo de saída ou permanecer em uma área de picking, mas nunca pode ser estocado. Estoque foi eliminado com o cross-docking. 3. É indispensável um sistema capaz de coordenar as trocas de produtos e informação. É fundamental coordenação entre os diferentes participantes do

cross-docking, especialmente quanto aos tempos em que os veículos chegarão ao operador...
tracking img