Criacao do euro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1081 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO EURO

A primeiro passo para a criação do Euro pode ser considerado o fim da Segunda Guerra Mundial, em 1946, pois foi logo após esse evento que surgiu a ideia de formar um bloco da comunidade europeia. Era uma ideia que visava fortalecer as economias após o conflito e trazer a paz para o continente, já que as nações vinham lutando entre havia quase cem anos. Unir aEuropa seria uma forma de colocar fim as rivalidades históricas.
Em 1950, foi dado o primeiro passo à integração do continente. A França propôs a criação de uma união europeia de empresas de mineração e aço. E em 1951 esse foi fundado essa união com seis países-membros (França, Alemanha Ocidental, Luxemburgo, Itália, Holanda e Bélgica)
O sucesso dessa união resultou na assinatura do Tratado de Roma,em 1957. Que criou uma comissão de países que tratava de outros setores da economia, com também de outras questões, como a nuclear. O tratado criou a Comunidade Econômica Europeia (CEE), mas não fazia menção à moeda única.
A instituição do Parlamento Europeu em 1967, foi um grande passo para darem início as discussões sobre a moeda única.
Anos 70: A crise do óleo de 1972, abalou as economias eas moedas europeias, e assim acabou adiando um pouco a criação de uma moeda única. Entretanto, em 1979, o sistema monetário europeu foi criado, com base em uma média do valor das moedas dos países-membro.
Em 1985 a Europa adota um projeto de mercado comum, e poucos anos após em 1989, começa a implantação da moeda única.
No início dos anos 90, mais preciso em 1992, o Tratado Maastricht criaoficialmente a União Europeia e os 15 países-membros concordam em iniciar as negociações para a implantação de uma moeda única, embora o Reino Unido, Dinamarca e Suécia tenham posteriormente desistido do objetivo. Logo em seguida em 1995, o nome euro é escolhido.
No final dessa década, em 1998, onze países (Bélgica, Itália, Alemanha, Espanha, França, Luxemburgo, Holanda, Finlândia, Portugal, Itália eÁustria) decidem começar a usar o euro para transações eletrônicas no ano seguinte (o grupo do euro passa, mais tarde, a incluir também a Grécia), foram fixadas as taxas de conversão entre o euro e as moedas dos Estados-Membros. O Banco Central europeu é estabelecido em 1º de janeiro, em Frankfurt, na Alemanha. Logo após em 1999 o euro é estabelecido como moeda eletrônica. Foi estabelecido também oEurosistema, composto pelo BCE e pelos bancos centrais nacionais (BCN) dos Estados-Membros da zona euro, ficou responsável pela condução de uma política monetária única na nova zona euro. Foi o início de um período de transição que deveria durar três anos e terminar com a introdução das notas e moedas de euro e a retirada das notas e moedas nacionais. Em 2000, o Conselho decidiu que a Gréciacumpriria as condições necessárias para a adoção da moeda única e o país aderiu à zona euro em 1 de Janeiro de 2001.
Apesar do euro substituir de imediato as moedas nacionais, passando as unidades monetárias nacionais a constituir subunidades do euro, este existiu inicialmente apenas como moeda escritural. As notas e moedas nacionais continuaram a ser os meios utilizados nas transações diárias emnumerário. Durante o período de transição, foi o mundo dos negócios e financeiro que começou a utilizar o euro nas suas transações diárias sem numerário. Para os mercados financeiros, esta transição foi imediata — o terreno estava bem preparado e o comércio nos mercados financeiros era feito exclusivamente em euros. Os organismos públicos e as empresas tiveram um maior período de transição, à medidaque mudavam progressivamente os seus sistemas de contabilidade, de preços e de pagamentos para o euro. Para os cidadãos, a parte mais visível do período de transição foi a apresentação de preços duplos em etiquetas, lojas, estações de serviço, etc. Esta situação fazia parte de uma extensa campanha publicitária para familiarizar o público em geral com o euro e com a introdução das notas de banco...
tracking img