"Cores quentes e frias na arte naif”

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1007 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
“Cores Quentes e Frias na Arte Naif”

Áreas Envolvidas: Artes Plásticas, História, Música, sentidos e sensações Técnicas Previstas: Desenho, recorte e colagem, pintura.
Duração: 12 horas-aula
Ideia Central: As cores fazem parte da nossa vida e não podemos imaginar o mundo sem elas. Estão sempre ligadas aos nossos sentidos e sensações. A Arte Naif, que ainda é praticamente desconhecida pelamaioria das pessoas, traz muito do mundo das cores, todas as suas telas, suas obras foram feitas com a utilização de cores variadas, ou seja, são bem coloridas, suas cores são vibrantes, e por isso serão usadas no conteúdo artístico sobre cores quentes e frias.
Atividade de Culminância:
Realização de uma composição artística onde os alunos poderão utilizar diversos materiais (tintas, papéiscoloridos e lápis de cor), baseando-se nos temas da Arte Naif: rurais e urbanos, observando as cores solicitadas pela professora por sorteio – cores quentes ou frias luminosas e vibrantes. Também haverá uma montagem de dois painéis na última aula, um das cores quentes e outro com as cores frias.
Objetivos Gerais da Unidade:
- Conhecer e diferenciar as cores quentes e frias através de imagens esensações, bem como a Arte Naif, suas obras e alguns artistas, sabendo destacar os seus principais temas.
- Desenvolver a criatividade realizando um trabalho artístico usando diversos materiais e temas naifs.
Justificativa:
O grupo de alunos aprecia bastante a aula de artes porém, como a grande maioria das pessoas não conhecem a Arte Naif, seus encantos e suas cores. Em virtude disso e conforme osolicitado pela professora da turma, os alunos trabalharão as cores quentes e frias dentro da Arte Naif e seus artistas

ARTE NAIF

A INGENUIDADE DO ARTISTA

É a arte da espontaneidade, da criatividade autêntica, do fazer artístico sem escola nem orientação, portanto é instintiva e onde o artista expande seu universo particular. Claro que, como numa arte mais intelectualizada, existem osrealmente marcantes e outros nem tanto.

Art naïf (arte ingênua) é o estilo a que pertence à pintura de artistas sem formação sistemática. Trata-se de um tipo de expressão que não se enquadra nos moldes acadêmicos, nem nas tendências modernistas, nem tampouco no conceito de arte popular.

Esse isolamento situa o art naïf numa faixa próxima à da arte infantil, da arte do doente mental e da arteprimitiva, sem que, no entanto, se confunda com elas.

Assim, o artista naïf é marcadamente individualista em suas manifestações mais puras, muito embora, mesmo nesses casos, seja quase sempre possível descobrir-lhes a fonte de inspiração na iconografia popular das ilustrações dos velhos livros, das folhinhas suburbanas ou das imagens de santos. Não se trata, portanto, de uma criação totalmentesubjetiva, sem nenhuma referência cultural.

O artista naïf não se preocupa em preservar as proporções naturais nem os dados anatômicos corretos das figuras que representa.

Características gerais:

· Composição plana, bidimensional, tende à simetria e a linha é sempre figurativa

· Não existe perspectiva geométrica linear.

· Pinceladas contidas com muitas cores.

A pintura naïf secaracteriza pela ausência das técnicas usuais de representação (uso científico da perspectiva, formas convencionais de composição e de utilização das cores) e pela visão ingênua do mundo. As cores brilhantes e alegres - fora dos padrões usuais -, a simplificação dos elementos decorativos, o gosto pela descrição minuciosa, a visão idealizada da natureza e a presença de elementos do universo onírico sãoalguns dos traços considerados típicos dessa modalidade artística.

Principal Artista:

Henri Rousseau (1844-1910), homem de pouca instrução geral e quase nenhuma formação em pintura. Em sua primeira exposição foi acusado pela crítica de ignorar regras elementares de desenho, composição e perspectiva, e de empregar as cores de modo arbitrário. Estreou com uma original obra-prima, "Um dia de...
tracking img