Contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1172 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO (DRE)
Como já vimos o exercício social, terá duração de um ano e a cada exercício será apurado o resultado do período, isto é, se houve lucro ou prejuízo. Portanto em cada final de período, todas as despesas e receitas são transferidas para a Demonstração do Resultado do Exercício, e, no, próximo período, apurar-se-ão despesas e receitas começando-sedo zero, ou seja, não se acumulam despesas e receitas de um ano para ou outro.
A forma de apresentação da Demonstração do Resultado do Exercício é vertical, isto é, subtrai-se a soma-se.


DRE
Receitas
(-) Despesas
Resultado


O resultado pode ser lucro ou prejuízo. Comumente, de forma inadequada, substituímos a terminologia RESULTADOpor LUCRO, dado que grande parte das empresas obtém lucro e uma minoria apresenta prejuízo.
O prejuízo é uma situação efêmera, passageira, enquanto o lucro assume característica permanente.
Com o objetivo de trabalharmos com uma linguagem comum e prática, vamos adotar a terminologia LUCRO em substituição a RESULTADO.
O Lucro é uma terminologia bastante ampla. Vamos encontrar na DRE váriostipos de lucro:
1. Lucro operacional Bruto, ou simplesmente – Lucro Bruto.
2. Lucro operacional Líquido - Lucro Operacional.
3. Lucro antes do Imposto de Renda.
4. Lucro Depois do Imposto de Renda.
5. Lucro Líquido.

DRE
Receita Bruta
(-) Deduções
Impostos incidentes sobre as vendas
Abatimentos e devoluções
Receita Líquida
(-) Custo das Vendas (CPV –CMV – CSP)
Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
De Vendas
Administrativas
Financeiras
Variações Monetárias
Lucro Operacional
(+/-) Receitas e despesas não operacionais
Lucro antes do Imposto de Renda
(-) Provisão para IR e CSLL
Lucro Depois do IR e da CSLL
(-) Participações
Lucro Líquido








Receita Bruta:
Constituem avenda de produtos e subprodutos (na indústria), mercadorias (no comércio), e prestação de serviços (empresa prestadora de serviços), incluindo todos os impostos cobrados do comprador e não excluindo as devoluções de mercadorias (ou produtos) e os abatimentos concedidos pelas mercadorias (ou serviços) em desacordo com o pedido.
O objetivo em informar a Receita Bruta, incluindo aspectos taiscomo devoluções, abatimentos, etc. é que o usuário externo das Demonstrações Financeiras terá acesso a esses dados (no item devoluções) que, sem dúvida, são valiosos indicadores de eficiência ou ineficiência dos departamentos de produção e venda.

Impostos incidentes sobre as vendas:
São aqueles gerados no momento da venda, variam proporcionalmente á venda, ou seja, quanto maior for ototal de vendas, maior será o imposto, os mais comuns são:
IPI: imposto sobre produtos industrializados
ICMS: imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviço
ISS: imposto sobre serviços
Imposto sobre exportação
PIS: Programa de Integração Social (imposto federal) – taxa sobre o faturamento – 0,65%
Cofins: Contribuição para a Seguridade Social (imposto federal) – 7,6%

Abatimentosde devoluções:
Abatimentos, muitas vezes em que haverá devolução, o vendedor propõe um abatimento no preço, para compensar o prejuízo, ao comprador. Essa situação ocorre, evidentemente, sempre após a entrega do bem ou serviço, evitando assim, a devolução.
Devoluções ou cancelamento de vendas são mercadorias e/ou produtos em desacordo com o pedido (preço, qualidade, tipo, avaria, condições depagamento etc.), cujo comprador, sentindo-se prejudicado, efetua a devolução total ou parcial das mercadorias/ produtos.

Custo das Vendas:
A expressão custo das vendas é bastante genérica, devendo, por essa razão, ser especificada por setor na economia:
• Para empresas industriais o custo das vendas é denominado Custo do Produto Vendido (CPV);
• Para empresas comerciais o custo...
tracking img