Chipre

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3799 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
2.0 Dados históricos

Chipre é uma região que foi habitada, segundo registros, desde 8200 a.C. a 3.800 a.C., descobertos próximos a minas de cobre. Segundo estudos, tinham uma cultura avançada e uma sociedade bastante estruturada.
Por ser rica em cobre, foi ocupada pelos fenícios em 800 a.C.. Em 670 a.C, foi ocupada pelos sírios e no século VI a.C. pelos egípcios, e logo depois, foi tomadapelos persas, sendo que em 58 a.C, foi anexada ao Império Romano.
Com a divisão do Império Romano, Chipre passou por várias ocupações, até que em 1191, o rei Ricardo I Coração de Leão, da Inglaterra, conquistou a ilha, posteriormente vendeu ao rei Guy Lusignan, de Jerusalém. O rei Guy Lusignan instalou uma monarquia feudal na ilha, que durou até a Idade Média. Se tornou o principal centro latinodo Oriente, em seguida o comércio foi tomado pelo controle de Gênova e Veneza, o que perdurou até o século XV.
De 1489 a 1571, a ilha ficou sob comando veneziano, posteriormente passou para o Império Turco-Otomano, que levou a ilha a decadência econômica e demográfica, e ficou com o comando até 1878, com a derrota na Guerra Turco-russa, por receio da dominação da ilha pelos russos, os turcosfizeram com que a Inglaterra passasse a administrar a ilha.
A Inglaterra passou a administrar a ilha, porém, a Turquia continuava como poder soberano. A ilha, com a administração inglesa, ganhou desenvolvimento com a construção de portos, estradas e enfoque na agricultura.
Com a Primeira Guerra Mundial, em 1914, a Inglaterra, pôs fim ao tratado que possuía com a Turquia, e passou a ter podersobre a ilha. A ilha foi cedida para Grécia, como forma de pagamento pela força aliada que esses concederam na guerra.
Pela proximidade que a ilha possui da Turquia, iniciaram-se os conflitos com a Grécia, pois queriam que a ilha fosse anexada como território turco.
Com a desocupação oficial da Inglaterra da ilha, após a Segunda Guerra Mundial, em 1954, a Turquia se mostrou contra a anexação dailha aos gregos, e declarou que a ilha deveria voltar ao seu comando.
Pelos inúmeros conflitos, depois de rodadas de negociações, ficou acordado que Chipre teria uma nova Constituição, que a tornaria uma República livre do pode britânico, onde o funcionamento seria garantido pela Inglaterra, Turquia e Grécia.
A assinatura da independência da ilha foi em 16 de Agosto de 1960, sendo o primeiropresidente eleito o grego-cipriota Makarios e o vice-presidente turco-cipriota Fazil Kuchuk.
Mesmo após a independência da ilha, a onda de violência entre os cidadãos ainda continuou. O grande problema era que, pela Constituição, o vice-presidente deveria ser turco-cipriota, o que dificultava a relação entre os gregos e turcos cipriotas, pois os turcos tinham poder de veto.
O ápice da violênciaocorreu em 1963, quando o presidente grego-cipriota propôs que se alterasse a Constituição, para que fosse retirado o poder de veto da minoria turca. Com isso, os turcos-cipriotas queriam que a ilha fosse dividida, e cada qual ficasse com sua parte; já os gregos, defendiam que a ilha deveria continuar como um Estado único, porém mantendo os direitos das minorias nacionais.
Com esse grandeimpasse, em 1964, fez-se necessário a intervenção da ONU no conflito, com sua força de paz, que foi chamada de UNFICYP (United Nations Peace-Keeping Force in Cyprus¹).
Em 15 de Julho de 1974, a Guarda Nacional do Chipre deu um golpe militar e retirou o presidente Makarios do poder. Após a saída do presidente, as tropas turcas invadiram a parte norte da ilha, e passou a controlar militarmente essaregião.
Mesmo com tentativas de união da ilha, de conversas entre Inglaterra, Turquia e Grécia e com o retorno do presidente Makarios ao poder, em 1975 foi formado o Estado Federado Turco de Chipre, que compreendia 35% da ilha, localizada ao norte.
Esse Estado nomeou um governo, de Rauf Denktash, que só era reconhecido pela Turquia.
Oficialmente, em 1983 ocorreu a independência da parte...
tracking img