Arvore de falhas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3388 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. Introdução A qualidade tornou-se hoje a essência de uma empresa que busca diferencial para competitividade no mercado. Mais do que meros documentos para se adquirir um certificado (ISOs), a qualidade são documentos, atitudes, ferramentas, rotinas, pensamentos e práticas que simultaneamente aplicados resultam para as empresas em benefícios como produtividade, diminuição de desperdícios,fortalecimento no mercado, eliminação de problemas, etc. A garantia da qualidade é entendida como um conjunto de ações planejadas e sistemáticas visando a gerar no cliente a confiança de que um determinado produto ou serviço poderá satisfazer suas exigências de qualidade (HELMAN, ANDERY, 1995). Para auxiliar nessa constante busca pela melhoria contínua, algumas ferramentas são aplicadas a fim de estudaro processo desejado e conseqüentemente obter informações relevantes que proporcionem maior controle e embasamento para tomada de decisões. A árvore de falha ou FTA (Fault Tree Analysis) é uma dessas ferramentas. A árvore de falhas é considerada como um método de análise de produtos e processos que permite uma avaliação sistemática e padronizada de possíveis falhas, estabelecendo suas conseqüênciase orientado a adoção de medidas preventivas ou corretivas (HELMAN, ANDERY, 1995). Sua estrutura em formato de fluxograma permite verificar as interações dos processos, oferencendo uma visão macro, a qual adicionada aos cálculos da probabilidade auxilia na tomada de decisão. O desenho da árvore de falhas parte de um evento de topo, que é a falha principal a ser analisada. Esta falha é desdobradaem demais falhas (eventos básicos) que em conjunto ou individualmente, podem causar o evento de topo e consequentemente ocasionar a falha do sistema. Este tipo de procedimento, onde há o desdobramento da falha de cima para baixo, é conhecido como top down. A estrutura da FTA, além de identificar as interações do sistema, também é acrescida de operadores lógicos e símbolos. Os operadores podem serdo tipo “OU” ou do tipo “E”. O operador do tipo “OU” é utilizado, quando analisando o processo percebe-se que a ocorrência isolada de qualquer um dos eventos básicos, resulta na ocorência do evento de topo. O operador do tipo “E” por sua vez, é utilizado quando se percebe que a ocorrência do evento de topo é gerada pela a ocorrência de um evento básico em concomitância com outro evento básico oumais eventos. Estes operadores lógicos definirão se os cálculos da probabilidade serão baseados em um processo de união ou interseção. Diversos símbolos são utilizados no desenho da árvore de falhas, desde retângulos, diamantes, círculos e casas. Contudo, percebe-se que os símbolos mais utilizados são os retângulos, que representam eventos que podem ser desdobrados em níveis mais baixos, e oscírculos, que representam eventos onde não há a possibilidade de maiores desdobramentos. Mediante os cálculos das probabilidades dos eventos que compõe o sistema, é possível identificar as criticidades de cada evento básico. Segundo Fogliato e Ribeiro (2005), “matematicamente, a criticidade corresponde ao produto da probabilidade de ocorrência da causa básica pela probabilidade condicional de ocorrênciado evento de topo, dado que a causa básica tenha ocorrido”. Ou seja, você exclui a causa básica a qual se deseja calcular a criticidade, e efetua o cálculo normalmente, resultando em uma probabilidade condicional para o evento de topo. Posteriormente, multiplica-se a probabilidade condicional do evento de topo, pela probabilidade do evento inicialmente excluido. O valor resultante trata-se dacriticidade do evento. O presente trabalho consiste em um estudo de caso que apresenta a aplicação real da árvore de falhas. Uma empresa de pequeno porte que possui como foco o fornecimento de

aquecedores solares a vácuo, bem como os serviços provenientes e relacionados a este fornecimento; foi visitada e informações relevantes foram coletadas como fonte de input para o trabalho executado....
tracking img