• Pierre Bourdieu
    TRABALHO PIERRE BOURDIEU Slide 1 – biografia curta/explicação do conceito “sociologia da sociologia” De origem campesina, filósofo de formação, chegou a docente na École de Sociologie du Collège de France, instituição que o consagrou como um dos maiores intelectuais de seu tempo. Desenvolveu,...
    2865 Palavras 12 Páginas
  • Victor Brauner
    DA ARTE VICTOR BRAUNER Esse artista fez selfie: O auto-retrato na História da Arte Victor Brauner O grupo escolheu o artista estrangeiro Victor Brauner, analisando suas obras artísticas de “selfie”. A razão da escolha do artista surgiu nas pesquisas sobre os...
    855 Palavras 4 Páginas
  • Maquiavel
    PORTO VELHO, MAIO DE 2014 FACULDADE CATÓLICA DE RONDÔNIA O PRÍNCIPE _______________________________ NICOLAU MAQUIAVEL Trataremos sobre o Capítulo XIV do livro O Príncipe de Maquiavel, que expõe os deveres do príncipe para com as milícias em tempos de paz. D’avyla Karyne Alves Fernandes ...
    1972 Palavras 8 Páginas
  • Resenha : Filosofando Estetica
    religião. Ao longo da história tivemos correntes marcantes da produção artística. 1. O naturalismo Grego O naturalismo tende a linha de fazer com que arte se apresente como realidade e não representação. Dentro da atitude naturalista temos variações, delas os mais importantes são o realismo e o idealismo...
    1130 Palavras 5 Páginas
  • Surrealismo
    primeiras décadas do século XX, os estudos psicanalíticos de Freud e as incertezas políticas criaram um clima favorável para o desenvolvimento de uma arte que criticava a cultura européia e a frágil condição humana diante de um mundo cada vez mais complexo. Surgem movimentos estéticos que interferem de...
    645 Palavras 3 Páginas
  • romantismo
    CENTRO UNIVERSITÁRIO SENAC BACHARELADO EM DESIGN DIGITAL DISCIPLINA: HISTÓRIA DA ARTE PROFESSORA: DAGMAR M. GOMES DA SILVA Romantismo e Expressionismo 1º período Adrian, Amanda, Matheus São Paulo abril/2014 Sumário: -Introdução; -Romantismo; -Principais Artistas; -Goya; - Eugène...
    2544 Palavras 11 Páginas
  • Fauvismo e Expressionismo
    Fauvismo ou Fovismo Um estilo que foi denominado como “quadros de cores violentas” por pintores pós-impressionistas da época, o Fauvismo ou Fovismo surgiu no começo do século XX e teve sua primeira crítica em uma exposição no Salão de Outono (Paris) por Louis Vauxcelles no ano de 1905, o qual assemelhou...
    938 Palavras 4 Páginas
  • A cultura da gare
    11/13 –A Pintura Romântica 14- Conclusão Introdução A elaboração deste trabalho deve-se ao facto de na disciplina de História da Cultura e das Artes, estarmos a abordar o módulo 8, diferentes temas entre os quais o Romantismo, o Realismo e o Impressionismo. Batalha de Waterloo A Batalha de...
    2362 Palavras 10 Páginas
  • Vida e obra de gustave coubert
    de amigos ou da família. Foram todos recusados, à excepção de dois auto-retratos com laivos românticos. Mais tarde passou  a pintar várias alegorias sobre o Homem e a política. O primeiro grande êxito no Salon foi com “Enterro em Ornans”, 1849. Esta obra reflecte preferência por quadros comdimensões grandes...
    745 Palavras 3 Páginas
  • A estética da modernidade - Surrealismo
    Joan Miró - iniciou sua formação como pintor na escola de La Lonja, em Barcelona. Em 1912 entrou para a escola de arte de Francisco Gali, onde conheceu a obra dos impressionistas e fauvistas franceses.  A famosa magia de Miró se manifesta nessas telas de traços nítidos e formas sinceras na aparência...
    683 Palavras 3 Páginas
  • A fotografia
    de Artes FOTOGRAFIA Processos e modalidades Professora: Maria Elisa Campelo de Magalhães Aluna: Angélica Santiago dos Reis Rio de Janeiro Agosto/2014 Este texto procura remontar um relato sobre o que...
    1097 Palavras 5 Páginas
  • Arquitetura
    Slide 1-5 imagens Slide 6 O Maneirismo na Itália foi atitude de rebeldia contra a dramática e as ordonâncias da Renascença, tomada por quem as conhecia, mas deliberadamente não as seguia (Michelangelo na Laureziana, por exemplo), ao passo que no Brasil as formas da arquitetura de entre Renascença e...
    1327 Palavras 6 Páginas
  • Conceitos basicos da cor
     Conceitos Básicos A pintura como arte e em quadro nasceu no sec. XIV tinha como meta se aproximar da realidade. Vigorava o pensamento de que a pintura não existe se não reproduz a realidade. O período barroco é o auge da pintura. As pinturas a óleo podem ser enroladas para ser passada para outra...
    276 Palavras 2 Páginas
  • Arte Nova
    Slide 2 JORGE A Belle Époque foi um período de cultura internacional na história da Europa que começou no fim do século XIX (1871) e durou até a aparecimento da Primeira Guerra Mundial em 1914. As sociedades Europeias viveram um momento particularmente feliz, com as conquistas e o progresso científico...
    262 Palavras 2 Páginas
  • Arte moderna
    Arte moderna Em oposição às formas clássicas, a arte moderna surgiu no final do século XIX em várias expressões artísticas como, por exemplo, pintura, escultura, literatura, arquitetura, fotografia e música. Embora não haja consenso sobre a datação deste período, muitos especialistas em arte consideram...
    676 Palavras 3 Páginas
  • Realismo
    importância da história ou dos grandes mestres do passado, mas afirma que deles não se herda uma concepção de mundo, um sistema de valores ou um ideal de arte, e sim apenas a experiência de enfrentar a realidade e seus problemas com os meios exclusivos da pintura. Para além da ruptura com as poéticas opostas...
    968 Palavras 4 Páginas
  • Great Wall Of China
    Seixas - FMU • Crítica feminista à visão freudiana sobre a mentalidade feminina. Mesmo que não tenha conseguido responder em sua obra o que uma mulher quer, Freud acredita que a maternidade seria a principal realização na vida de uma mulher. (Slide (?) – Que veut une femme?). • Hobsbawm se utiliza dos...
    6251 Palavras 26 Páginas
  • Anita malfatti
    Voltando ao Brasil, teve a sua disposição Miss Browne, uma governanta inglesa, que a ajudou no desenvolvimento do uso da mão esquerda e no aprendizado da arte e da escrita. Iniciou seus estudos em 1897 no Colégio São José de freiras católicas, situado à Rua da Glória. Aí foi alfabetizada. Posteriormente passa...
    2863 Palavras 12 Páginas
  • Pos-impressionismo - analise de van gogh
    B.I. em Artes e Design – UFJF Glaucia Soldati Dias Arte e História III – Turma C Prof.ª: Patrícia Moreno Pós-Impressionismo Complementação do trabalho apresentado. Análises a serem consideradas, desconsiderando as impressas entregues. Juiz de Fora, outubro de 2012 Análise comparativa: ...
    708 Palavras 3 Páginas
  • Expressionismo, cubismo, fovismo
    humano, dando primazia à expressão de sentimentos em relação à simples descrição objetiva da realidade. O O GRITO: CUBISMO: O cubismo é um tipo de arte considerada mental, ou seja, desliga-se completamente da interpretação ou semelhança com a natureza, a obra tem valor em si mesma, como maneira de expressão...
    681 Palavras 3 Páginas