• Resenha do livro `versos, sons e ritimos`
    Resenha: Versos, Sons, Ritmos GOLDSTEIN, Norma Seltzer. Versos, sons, ritmos. 14ed. São Paulo: Ática, 2008 GOLDSTEIN, Norma Seltzer. Versos, sons, ritmos. 14ed. São Paulo: Ática, 2008. Resenha: Versos, Sons, Ritmos.    Existe receita mágica para a interpretação de um poema? E para um entendimento...
    790 Palavras 4 Páginas
  • Ensaio sobre A Pauliceia Desvairada
    poeta, romancista, crítico literário, musicólogo e ensaísta, sendo aclamado como artista e teórico. Em 1917, Mário de Andrade publica seu primeiro livro de poesia: Há uma gota de sangue em cada poema, sob o pseudônimo de Mário Sobral. Esse é também o ano com que tem seu primeiro contato com a modernidade...
    3007 Palavras 13 Páginas
  • o ultimo andar
    Poesia de Cecília Meireles O POEMA "RIO NA SOMBRA" Som Frio. Rio Sombrio. O longo som do rio frio. O frio bom do longo rio. Tão longe, tão bom, tão frio o claro som do rio sombrio! In OU ISTO OU AQUILO ANÁLISE No poema...
    9879 Palavras 40 Páginas
  • Versos, sons e ritmos
    Versos, Sons, Ritmos. Norma Goldstein (Resumo) O livro objeto do presente fichamento esta subdividido em 13 (treze) capítulos, dos quais, 11 (onze) abordam de forma pormenorizada a maneira como se compõem os poemas, suas características próprias (quem o escreveu?; quando foi escrito?; qual sua finalidade...
    1979 Palavras 8 Páginas
  • AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA
    é simples mas rica em sensações, sons, tranquilidade e felicidade. Questão 02 – valor (0,5) O poema se intitula “A rua das rimas”. Rima é uma semelhança de sons entre a terminação de duas ou mais palavras. Ela normalmente ocorre entre palavras do final de versos, mas em alguns casos a rima também...
    1337 Palavras 6 Páginas
  • Trem de ferro
    retirado do livro Estrela da Manhã, publicado em 1936. A obra é composta por 28 poemas, entre eles Estrela da Manhã, que dá nome ao livro, Tragédia Brasileira e Trem de Ferro, que aqui será analisado. Alguns elementos do poema remetem à localização externa deste, que são a cana de açúcar (verso 34), a...
    524 Palavras 3 Páginas
  • Resumo do livro versos sons e ritmos de norma goldtein
    GOIÁS UNU DE POSSE IVETE LIMA NASCIMENTO FLEURI SÍNTESE DO LIVRO: VERSOS, SONS, RITMOS. POSSE-GO 2012 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNU DE POSSE IVETE LIMA NSCIMENTO FLEURI SÍNTESE DO LIVRO: VERSOS, SONS, RITMOS. TRABALHO DE TEORIA LITERÁRIA, COM O OBJETIVO DE OTENÇÃO...
    2913 Palavras 12 Páginas
  • O campones e a cobra
    poema e poesia. “As noções de “metro”, “verso” e “ritmo” estão estreitamente ligadas em nossa tradição literária. As leis de metrificação ou versificação apresentam as normas a serem seguidas, estabelecendo esquemas definidos para a composição de verso. No sistema silábico ou acentual, elas determinam...
    1127 Palavras 5 Páginas
  • manhã de inverno
    por duas comédias, "O protocolo" e "O caminho da porta". Passa a publicar vários contos no Jornal das Famílias. 1864 – Publicado seu primeiro livro de versos, Crisálidas. Em julho firma contrato com B. L. Garnier para a venda definitiva dos direitos autorais de Crisálidas. 1865 – É fundada a Arcádia...
    3375 Palavras 14 Páginas
  • Glossário de Termos Literários
    dormides as manhanas frias, de Nuno Fernandes Torneol, revela-se um exemplo da assimilação do género à tradição poética da cantiga de amigo. Alfarrábio- Livro antigo ou velho e de pouco préstimo, ou valioso por ser antigo. ANAGNÓRISE- Elemento dramático de surpresa, de regra na tragédia clássica. ANANKÊ-...
    4422 Palavras 18 Páginas
  • Interpretação desencanto manuel bandeira
    aspectualization; tensiveness; poetry; M. Bandeira www.fflch.usp.br/dl/semiotica/es Estudos Semióticos - número três (2007) ALMEIDA, D.C. O livro de estréia de Manuel Bandeira – A Cinza das Horas (1917) – é repleto de poemas de um lirismo melancólico e que remetem a temas como a espera da morte...
    6209 Palavras 25 Páginas
  • SEQUÊNCIA DIDÁTICA
    sobre como e por que foram pensadas as propostas de atividades a ser realizadas com as crianças. É nessa parte que também se definem o trabalho com livros e as letras das canções dos CDs e os benefícios desse tipo de texto para as aprendizagens de leitura e escrita das crianças. A segunda parte está...
    13712 Palavras 55 Páginas
  • Analise poetica "o relogio"
    Analise interna O Relógio é um dos poemas de Vinícius de Moraes que faz parte de “Arca de Noé”, lançado em 1970 pela editora José Olympio. O livro, com poemas infantis, foi dedicado a seus filhos. Vinícius, poeta do amor e da sensualidade mais profunda, talvez não fosse o mais adequado para falar...
    537 Palavras 3 Páginas
  • Análise da Música "Alegria, Alegria" de Caetano Veloso
    Sem lenço e sem documento Eu vou.   Eu tomo uma coca-cola Ela pensa em casamento Uma canção me consola Eu vou.   Por entre fotos e nomes Sem livros e sem fuzil Sem fome, sem telefone, No coração do Brasil.   Ela nem sabe até pensei Em cantar na televisão O sol é tão bonito   Eu vou Sem...
    1062 Palavras 5 Páginas
  • Cenas!
    INFORMATIVA - TEXTO POÉTICO Verso: cada linha de um poema. Estrofe: conjunto de versos agrupados de forma a constituírem uma unidade gráfica com sentido; as estrofes têm designação diferente conforme o número de versos que as constituem. Métrica: é a medida do verso que se pode quantificar e classificar...
    1662 Palavras 7 Páginas
  • Análise da poesia de Silva Alvarenga :Glaura
    25.170.881 Posadas, 16 de Outubro de 2013. Analise do fragmento da poesia de Silva Alvarenga segundo o modelo proposto no livro da autora Goldstein Norma: Versos, sons, ritmos. 1 1 Glaura, as ninfas te chamaram A 2 e buscaram doce abrigo: B 3 vem comigo, e nesta gruta C 4 branda escuta o...
    2159 Palavras 9 Páginas
  • Textos Liricos
    de lembranças e nos vários números do Almanach de lembranças luso-brasileiro, livrinhos “cheios de informações úteis” que continham, também, “bons versos e prosas, firmados por autores conceituados” (MOSER, 1993, p. 17). Gerald Moser pesquisou esses livrinhos, na biblioteca da Pennsylvania State University...
    3200 Palavras 13 Páginas
  • ensaio sobre o Ex-estranho - Leminsk
    Despertador O livro de poemas O ex-estranho do poeta Paulo Leminski é uma publicação póstuma, lançada em 1996 pela editora Iluminuras, da coleção Catatau, cujos poemas foram organizados e selecionados por Alice Ruiz S. e Áurea Leminski. O livro tem como título O ex-estranho, termo que aparece duas...
    2139 Palavras 9 Páginas
  • redes
    Só, incessante, um som de flauta chora, Viúva, grácil, na escuridão tranquila, – Perdida voz que de entre as mais se exila, – Festões de som dissimulando a hora Na orgia, ao longe, que em clarões cintila E os lábios, branca, do carmim desflora... Só, incessante, um som de flauta chora, ...
    6084 Palavras 25 Páginas
  • TRem de ferro manuel bandeira
    gráfico-visuais; Análise e reflexão sobre a língua e a linguagem P 72 – Identificar elementos constitutivos da organização interna de um poema: estrofes e versos; P 73 – Reconhecer a linguagem figurada e compreender os seus sentidos; P 74 – Observar o funcionamento do ritmo e da rima; P 75 – Relacionar o...
    2869 Palavras 12 Páginas