• Resenha do livro `versos, sons e ritimos`
    entendimento abstrato e concreto de uma poesia? Para Norma Goldstein, não! Em Versos, sons, ritmos a autora nos mostra que a análise de um poema é um aprendizado construído em todo o livro. Soma-se a teoria com a prática abordada pela autora. Poemas consagrados pela critica e pelo público servem de...
    790 Palavras 4 Páginas
  • AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA
    , de espaço a espaço, no mormaço de aço baço e lasso” O verso é sonoro não apenas porque apresenta rimas internas, entre palavras terminadas em -aço, mas também porque há repetições dos sons consonantais p e s. A esse recurso, o de repetir um mesmo som consonantal, chamamos aliteração. Veja: som...
    1337 Palavras 6 Páginas
  • Trem de ferro
    levo 51 Pouca gente 52 Pouca gente 53 Pouca gente... a) Localização: O poema foi retirado do livro Estrela da Manhã, publicado em 1936. A obra é composta por 28 poemas, entre eles Estrela da Manhã, que dá nome ao livro, Tragédia Brasileira e Trem de Ferro, que aqui será analisado...
    524 Palavras 3 Páginas
  • O campones e a cobra
    . UNIVERSIDADE ESTADUAL DE RORAIMA CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS DISCIPLINA TEORIA DA LITERATURA I PROFESSOR DR.DEVAIR ANTONIO FIOROTTI JULIANA LOPES LIMA DE MACÊDO FICHAMENTO DO LIVRO VERSOS, SONS, RITMOS. BOA VISTA/RR DEZEMBRO/2012 REFERÊNCIAS GOLDSTEIN, Norma. Versos, Sons, Ritmos.série principios.13º.ed.São Paulo: ática, 2004....
    1127 Palavras 5 Páginas
  • Ensaio sobre A Pauliceia Desvairada
    elementos de diversas naturezas, que podem, inclusive, ser negativas. Os versos 3 e 4, bem como 5 e 6 são compostos por elementos seguidos de reticências que parecem não tem conexão entre si. O emprego de itens lexicais sem ligação sintática ou semântica é recorrente nos poemas do livro e assumida pelo...
    3007 Palavras 13 Páginas
  • Versos, sons e ritmos
    Versos, Sons, Ritmos. Norma Goldstein (Resumo) O livro objeto do presente fichamento esta subdividido em 13 (treze) capítulos, dos quais, 11 (onze) abordam de forma pormenorizada a maneira como se compõem os poemas, suas características próprias (quem o escreveu?; quando foi escrito?; qual sua...
    1979 Palavras 8 Páginas
  • o ultimo andar
    infantil. O poema que começa com um monossílabo no primeiro verso vai aumentando gradativamente, não passando, porém, de tetrassílabo. Quanto às estrofes começa com dois dísticos, dois tercetos e termina com uma sextilha, indicando uma evolução. Para o primeiro substantivo "som" há apenas um adjetivo...
    9879 Palavras 40 Páginas
  • manhã de inverno
    , composto por duas comédias, "O protocolo" e "O caminho da porta". Passa a publicar vários contos no Jornal das Famílias. 1864 – Publicado seu primeiro livro de versos, Crisálidas. Em julho firma contrato com B. L. Garnier para a venda definitiva dos direitos autorais de Crisálidas. 1865 – É...
    3375 Palavras 14 Páginas
  • Glossário de Termos Literários
    - Composição originária da Provença, de uma estrofe só, que pode oscilar entre os oito e os dezesseis versos. Exemplar- cópia individual de um livro. Em média, os livros, no Brasil, têm uma tiragem de 3,000 (três mil) exemplares por ano; ou seja, vendem, em média, 3,000 exemplares ou cópias. 6- Fffff...
    4422 Palavras 18 Páginas
  • SEQUÊNCIA DIDÁTICA
    jacaré que está escrito graficamente em forma de um jacaré (Jacaré letrado, Sérgio Capparelli, presente no livro Poesia fora da estante, Editora Projeto), rompendo completamente com a ideia de que todo poema contém rimas, versos e estrofes. A rima é o nome que se dá à repetição de sons semelhantes...
    13712 Palavras 55 Páginas
  • Análise da Música "Alegria, Alegria" de Caetano Veloso
    livros e sem fuzil, sem fone, sem telefone, no coração do Brasil.”: repetição do som do fonema /f/. Nos versos “Caminhando contra o vento, sem lenço sem documento, no sol de quase dezembro”, percebe-se a presença do fonema /k/. Também nos versos “entre fotos e nomes, sem livros e sem fuzil, sem fone...
    1062 Palavras 5 Páginas
  • Interpretação desencanto manuel bandeira
    olhamos para o início de cada verso, vemos que o primeiro som nas estrofes 1 e 2 são ou surdos ou sonoros e que na terceira estrofe, (ao contrário do que ocorreu na rima), todos os sons são sonoros. Mais uma semelhança entre a primeira e a terceira estrofe no que diz respeito às rimas pode ser...
    6209 Palavras 25 Páginas
  • Análise da poesia de Silva Alvarenga :Glaura
    Posadas, 16 de Outubro de 2013. Analise do fragmento da poesia de Silva Alvarenga segundo o modelo proposto no livro da autora Goldstein Norma: Versos, sons, ritmos. 1 1 Glaura, as ninfas te chamaram A 2 e buscaram doce abrigo: B 3 vem comigo, e nesta gruta C 4 branda escuta o meu amor...
    2159 Palavras 9 Páginas
  • Analise poetica "o relogio"
    Analise interna O Relógio é um dos poemas de Vinícius de Moraes que faz parte de “Arca de Noé”, lançado em 1970 pela editora José Olympio. O livro, com poemas infantis, foi dedicado a seus filhos. Vinícius, poeta do amor e da sensualidade mais profunda, talvez não fosse o mais adequado para...
    537 Palavras 3 Páginas
  • Resumo do livro versos sons e ritmos de norma goldtein
    UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNU DE POSSE IVETE LIMA NASCIMENTO FLEURI SÍNTESE DO LIVRO: VERSOS, SONS, RITMOS. POSSE-GO 2012 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNU DE POSSE IVETE LIMA NSCIMENTO FLEURI SÍNTESE DO LIVRO: VERSOS, SONS, RITMOS. TRABALHO DE...
    2913 Palavras 12 Páginas
  • Cenas!
    métricas dodecassílabo (alexandrino) – doze sílabas métricas Rima : correspondência de sons semelhantes geralmente no fim dos versos de uma estrofe. Emparelhada – AA BB CC Cruzada – A B A B A B Nosso irmão, besouro Que é feito de couro Mal sabe voar Mal...
    1662 Palavras 7 Páginas
  • Bibliografia
    poemas. 2. Transcreve exemplos de: a. comparação; b. personificação; c. adjectivação. 3. Também a pontuação é expressiva. Interpreta o valor das exclamações presentes nos poemas. 4. As repetições de sons, de palavras ou de versos são recursos que, sobre­tudo, dão musicalidade ao poema...
    7215 Palavras 29 Páginas
  • Resenha
    GOLDSTEIN, Norma. Versos, Sons, Ritmos. Série Princípios. 13ª ed. São Paulo: Ática, 2002. RESENHA CRÍTICA Juliana de Oliveira Duque ¹ O livro Versos, Sons, Ritmos, de Norma Goldstein, fala sobre as normas técnicas de elaboração e análise de poemas. A autora aborda a unidade do poema...
    280 Palavras 2 Páginas
  • Pos graduada
    rima, o ritmo e a sonoridade, permitem uma descoberta progressiva das potencialidades da linguagem escrita. Essa descoberta, tão decisiva para a formação do indivíduo, adquire assim um caráter lúdico. Brincar com os sons, descobrir novas ressonâncias, ouvir e ler pequenas histórias em verso...
    3897 Palavras 16 Páginas
  • Projeto Poema
    portas de sonhos, lembranças e fantasia. Os versos imitam o sentimento humano, através de arranjos de sons e imagens, que podem ser interiorizados. Justificativa: Com o advento da comunicação atualmente o ensino voltado para área de linguagens, códigos e suas tecnologias tem como proposta de...
    467 Palavras 2 Páginas