O uso do crack e um problema social nas grandes metropoles

Páginas: 4 (808 palavras) Publicado: 9 de maio de 2012
Código de Ética, 1993. Estrutura
Dr. J.C. Avelino da Silva

O Código de Ética do Assistente Social aprovado em 1986 representou uma ruptura na tradição neotomista e adotou uma nova posturafrente aos problemas sociais. Ele foi um avanço para a época, mas logo suas limitações práticas apareceram, já que se tratava de um documento que se conformou ao político e ao educativo; ele não foinormativo (deveres, direitos e o que é vedado). O Código de 93 é um aprimoramento do Código de 86. Com o atual Código de Ética Profissional do Assistente Social, estamos diante de um texto elaborado apartir do amadurecimento da categoria que se expressou em amplas e aprofundadas discussões nos anos que antecederam 1993, data de sua aprovação. Trata-se de um documento ético muito bem elaborado,resultado de um esforço coletivo. É reconhecidamente uma referência a nível internacional. A proposta de trabalho e a prática do Assistente Social são a expressão concreta, quotidiana, do Código deÉtica, razão pela qual é importante entender o Código e agir de acordo com ele. O Assistente Social vai ter oportunidade de reler várias vezes o Código de Ética durante sua vida profissional.Parâmetros do Código 93: a liberdade e a justiça social aparecem como valores fundamentais. Liberdade para aumentar as possibilidades. O assistente social deve se posicionar a favor dos desfavorecidos. Todaatividade do assistente social é política. O assistente social coloca a justiça social à frente dos direitos individuais. A democracia é tratada no Código como valor ético-político central. O Códigode 93 trabalha sempre com dupla referência: o AS e o usuário; o AS e a instituição (o empregador); o AS e outros profissionais. O Código de Ética se ocupa tanto da qualidade dos serviços prestados comoda defesa da categoria, numa relação dialética. O atual Código, aprovado em 1993, dando continuidade conceitual ao Código anterior e afirmando os princípios de liberdade e justiça social, assumiu...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • O uso do crack e um problema social nas grandes metropoles
  • O uso do crack um problema das grandes metropoles
  • O uso do crack é um problema restrito às grandes metrópoles?
  • O uso do crack: um problema social restrito às metrópoles?
  • O uso do crack um problema social restrito as metropoles
  • O uso do crack: um problema social restrito as metropoles?
  • O uso do crack: um problema social restrito às metrópoles?
  • O uso da crack: um problema social restrito às metrópoles?

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!