O adolescente e o ato infracional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1562 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
SERVIÇO SOCIAL

ANA LUCIA NEVES DE OLIVEIRA

O ADOLESCENTE E O ATO INFRACIONAL

Januária
2011

ANA LUCIA NEVES DE OLIVEIRA

O ADOLESCENTE E O ATO INFRACIONAL

Trabalho apresentado ao Curso Serviço Social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina Atvidades Interdisciplinar.

Prof.

Januária
2011

O ADOLESCENTE E O ATOINFRACIONAL

Ao dar início a um dos assuntos mais complexos e em caráter de resolução de urgência no nosso país, ou seja, a questão dos menores envolvidos em atos infracionais /delituosos é necessária uma discussão mais ampla e abrangente no sentido de se chegar ao fundo da real motivação que impulsiona e encoraja os adolescentes infratores a cometer atos que rotineiramente estão expostos hojeem dia nos jornais de todo o país. Primeiramente devem-se destacar alguns pontos que são cruciais para o desenvolvimento do ser humano, ou seja, condições básicas para a sobrevivência e progresso, seja ele cultural, financeiro, religioso e outros mais que estão previstos em nossa carta magna, a Constituição Federal de 1988, precisamente no Artigo 5º.
Dentre esses pontos estão previstos aeducação, a saúde, a moradia, segurança, o trabalho, entre outros que são prioridades na vida do indivíduo e que deveriam possibilitar uma qualidade de vida digna, contudo sabe-se que nem todos eles estão ao alcance da população menos favorecida financeira e culturalmente devido aos governantes não priorizarem o que deveria ser realmente relevante e não aplicarem corretamente os recursos destinados para talfinalidade.
A vida moderna de hoje que é totalmente seletiva concorrida e desumana acabam descartando todos aqueles que não são “aproveitáveis” ou “aptos” para o mercado de trabalho atual, dando valor àqueles que detêm o conhecimento, que possuem boa aparência e que de preferência possuam experiência profissional. Agora surgem várias perguntas, dentre elas como uma pessoa que nasce em umadeterminada comunidade carente, desfavorecida de saneamento básico, de investimentos em educação, saúde, trabalho e segurança, conseguirá se destacar no mercado de trabalho ou no universo seletivo dos estudos? Diga-se de passagem, que estas adversidades e obstáculos a que essas pessoas encontram no árduo caminho do dia-a-dia, que é cruel e sofrido não justificam uma desculpa plausível para seguir ocaminho do crime, das drogas, dos roubos, contudo é a única saída naquele momento em que eles (sejam menores ou não) encontram quando se deparam com uma situação crítica de não terem nada em casa para comer, beber ou vestir.
Como já foi dito na parte inicial deste trabalho é necessário que se ressalte alguns dos motivos ou causas que impulsionam a vontade de cometimento de delitos por parte destesjovens, que se vêem totalmente desmotivados para o futuro e que encontram no crime o caminho mais curto para satisfazerem suas vontades pessoais. Sabendo-se que nessa fase da vida, o adolescente passa por diversas transformações, incluindo aquelas em que seus hormônios estão mais aflorados e dispostos a encorajarem suas atitudes para conseguirem seus objetivos, de qualquer que seja a forma eindependente de quem prejudicará, acarretando em uma busca pessoal da necessidade de se suprir aquilo que se falta dentro e fora de casa. Para tanto, hoje em dia o que mais se houve falar nos noticiários diários é o grande número crescente de “recrutamento” de menores para a execução das atividades criminosas, sejam elas para serem “aviõezinhos”, “vapores do tráfico”, “gerente de bocas”, “fogueteiros”,“olheiros” e chefes do tráfico de drogas e que lhes oferecem uma vida de riscos, contudo este risco é recompensado com pagamentos em dinheiro arrecadados do tráfico.
Dois dos principais motivos que se completam para a disseminação dos delitos praticados pelos menores no nosso país são a impunidade e o tráfico de drogas, que determinam na maioria das vezes os futuros curtos, arriscados e...
tracking img