A marcha das vadias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3591 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A Marcha das Vadias




A Marcha das Vadias é um movimento internacional de mulheres criado em abril de 2011 na cidade de Toronto, no Canadá, em resposta ao comentário de um policial que disse que, para evitar estupros no campus, as mulheres deveriam parar de se vestir como “sluts” (vadias, em português). Assim, teve início a SlutWalk, em que mais de 3 mil mulheres canadenses foram àsruas para protestar contra o discurso de culpa das vítimas de violência sexual e de qualquer outro tipo de violência contra as mulheres. A partir daí, diversas manifestações semelhantes (SlutWalk, Marcha de las Putas, Marcha das Vadias) ocorreram em mais de 30 cidades, em diversos países – como Costa Rica, Honduras, México, Nicarágua, Suécia, Nova Zelândia, Inglaterra, Israel, Estados Unidos,Argentina e Brasil.
Apropriaram desse nome porque “vadia” é uma palavra dirigida às mulheres diante de qualquer atitude de liberdade, sobretudo sexual e têm como lema: “Se ser livre é ser vadia, somos todas vadias”.
Todas essas mulheres marcham por seu direito de ir e vir, seu direito de se relacionar com quem e da forma que desejarem e seu direito de se vestir da maneira que lhesconvier sem a ameaça do estupro, sem a responsabilização da vítima e sem sofrer nenhum tipo de humilhação, repressão ou violência. A motivação principal da Marcha das Vadias é a situação, compartilhada por mulheres de todo o mundo, de cerceamento da liberdade e da autonomia, de medo de sofrer violência e da objetificação sexual.
A primeira Marcha das Vadias no Brasil ocorreu em São Paulo, em 4de junho de 2011, organizada pela publicitária curitibana Madô Lopez. Após o anúncio do evento com a criação de uma página no Facebook, mais de 6 mil pessoas confirmaram presença no evento. No entanto, diferentemente das versões em outros países, somente cerca de 300 pessoas compareceram, de acordo com a contagem da Polícia Militar. Neste mesmo ano, iniciou-se a manifestação em Recife, BeloHorizonte e Brasília, e em 2012, no dia 29 de junho, ocorreu a 1ª Marcha das Vadias na cidade de Teresina. No dia 28 de julho de 2012, aconteceu a primeira marcha em São José do Rio Preto, São Paulo.
A Marcha das Vadias do Distrito Federal aconteceu pela primeira vez no dia 18 de junho de 2011. Cerca de 2 mil pessoas participaram. Mulheres, homens e crianças se manifestaram, se empenharam, seindignaram e gritaram juntos por um mundo sem machismo e em 2012 continuam a marchar juntos mais uma vez pela não violência contra as mulheres até que todas sejam livres!















Sites de Referência:
http://marchadasvadiasbr.wordpress.com/
http://www.facebook.com/marchadasvadiasdf/info
http://marchadasvadiasdf.wordpress.com/sobre/
*Prezadas companheiras, Sou mãe da Bruna,menininha que aparece em destaque nas fotos do facebook da Marcha, no sábado.Uma foto linda em que aparece tranqüila e bela, com o Espelho de Vênus pintado no rosto.Símbolo da luta feminina, feminista.Mais que isso: símbolo da trajetória de algumas das nossas sábias antecessoras.Símbolo que nos une as nossas ancestrais.Símbolo de suas vidas-mortes marcadas pela violência moral, psicológica, física,sexual… mas, também marcada por sua força, resistência, pioneirismo, humanidade, cumplicidade com Gaia, a Grande Mãe.Foi com essa consciência que levei minha filha Bruna à Marcha.Como momento de conexão dela com suas ancestrais e com suas contemporâneas… todas mulheres… E, em especial naquele dia, mulheres cercadas por homens que não têm medo de expressar sua metade feminina, feminista,não-machista.Pois bem, uma amiga muito querida me mostrou a pouco a foto da Bruna no face.Me emocionei com tudo.A  foto.O “tema” alusivo a educação como processo libertário.Os comentários carinhosos.Infelizmente, no meio deles, uma moça (não vou chamá-la companheira porque esta AINDA não é) colocou como comentário apenas a palavra “ridículo”.Vejam, não tenho facebook por opção.Então, escrevo este email...
tracking img