A biblioteca de alexandria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2312 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A Biblioteca de Alexandria
“Passado e presente de uma das principais criações da Antiguidade”


I ntrodução
A biblioteca de Alexandria foi considerada a mais importante da Antiguidade, e apesar de fundada por Ptolomeu I só foi desenvolvida por seu filho Ptolomeu II Philadelphus. O acervo da biblioteca teve grande desenvolvimento no reinado de Ptolomeu III Euergetes, cujo não media esforçospara conseguir as obras das quais compunham o mesmo. O local era um ponto de encontro de diversos sábios, das mais diversificadas áreas. A mesma foi incendiada, mais de uma vez, em diferentes ocasiões. Até hoje não se pode afirmar com exatidão o motivo pelos quais ocorreram os incêndios contra a biblioteca (CHASSOT, 2004). Apesar da ideia de recriá-la ter surgido na década de 70, a NovaBibliotheca Alexandria só foi concluída no ano de 2001, e inaugurada em 2002, no dia mundial do livro. Foi através da UNESCO, órgão cultural da ONU, e alguns países europeus, que decidiram arcar com as despesas; que foi possível colocar em prática os planos da reconstrução de uma das maiores obras daAntiguidade.

Era Helenística
IMPÉRIO SELÊUCIDA Período histórico que vai das conquistas deAlexandre àconquista romana (322-146 a.C.) Como se dava : * Iniciava com a Grande Migração; * Dispersão; * Por fim ocorria o retorno da civilização grega: com a imposição de idéias e os costumes dos gregos aos povos asiáticos.

ALEXANDRIA * Era o grande centro da cultura helenística, especialmente no campo das artes e da literatura * Grande parte das riquezas se encontravam nesta cidade * O helenismo nãovenceu emAlexandria, mas sim o misticismo * Bases do Neoplatonismo estavam sendo fundadas * Mistura de cultos prometedores do céu: o cristianismo entrou, substituir Ísis (deusa grega) por Maria e Serápis por Cristo

História da Cidade Alexandria
Alexandre “o grande” tornou-se Rei após a morte de seu pai, que governava toda a Grécia; assumindo o trono. Em 332 a. C. fundou a cidade de Neápolis, noEgito. Cujo o nome se tornou Alexandria em sua homenagem. Após a morte de Alexandre o império foi dividido entre seus generais, cabendo o Egito à Ptolomeu I Sóter. Ptolomeu tornou-se faraó (Rei). Seu sucessor, Ptolomeu II Philadelphus, realizou diversas construções na capital. Mais adiante, em 246 a. C., seu filho Ptolomeu III Euergetes reinou o império.

Uma das construções mais famosas foi oFarol de Alexandria, construído na Ilha da Pharos, considerado uma das Sete Maravilhas do Mundo. Além da Biblioteca de Alexandria, fundada por Ptolomeu I; outras obras tiveram importância na cidade, como o Museu.

Figura 1 – Farol de Alexandria Fonte: .

Antiga Biblioteca
Foi considerada uma das mais importantes da Antiguidade. Fundada no século III a. C., por Ptolomeu I Sóter. Porém,apesar de fundada por Ptolomeu I, só foi desenvolvida por seu sucessor Ptolomeu II. O grande responsável por sua organização foi Demétrius Phalereus, através de sua experiência obtida na Biblioteca deAtenas (CHASSOT, 2004). O acervo da Biblioteca teve uma grande expansão no reinado de Ptolomeu III, que fazia solicitações de livros, aos povos de todo o mundo, utilizando os mais diversos meiosnecessários para consegui-los. Consequentemente, Alexandria tornou-se uma grande fábrica e comércio de papiros (PATERLINI, 2003). Acredita-se que a Biblioteca tenha reunido mais de 700 mil rolos de papiros, sendo estes cuidadosamente selecionados por matemáticos, filósofos, pesquisadores e tradutores (CHASSOT, 2004).

A biblioteca se tornou um suporte para estudiosos de diversas áreas do conhecimento,como filosofia, matemática, medicina, ciências naturais e aplicadas, astronomia, geografia, história, artes, etc. Os pesquisadores alexandrinos organizavam expedições, para que pudessem obter conhecimentos de outras partes do mundo (PATERLINI, 2003). Em conjunto com a Biblioteca de Alexandria encontrava-se um grande Museu e uma “Academia” onde os sábios debatiam suas teses. Haviam jardins,...
tracking img