Vygotsky

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1514 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A PSICOLOGIA DE LEV VYGOTSKY



Camila Alves

Professor-Tutor Externo: Marisa Machado.
Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI
Licenciatura em pedagogia (PED0704) – Prática do Módulo I
09/11/12



RESUMO


A Psicologia de Lev Vygotsky um grande pensador e filosofo que em influência do desenvolvimento humano, trabalhava muito em cima do estudo das crianças, e sempre sepreocupando com a cultura, a historia, e principalmente o complexo social que a criança faz parte. Para Vygotsky o aprender delas se constitui tudo a partir do seu meio social, ou seja, da sua interação, podendo ele saber como será o modo de vida, partindo de sua cultura.



Palavras-chave: Vygotsky. Educação. Desenvolvimento.







1 INTRODUÇÃO


Entende-se que Vygotskytinha quatro diferentes maneiras para poder compreender melhor o ser humano e o seu desenvolvimento, tendo ele varias ferramentas de adaptação intelectual. O principal destaque dele era com o papel na escola, e com o desenvolvimento mental até hoje muito estudado por vários professores. Apesar de já ter morrido a mais de 70 anos seu pensamento ainda permanece vivo.



2 FERRAMENTAS DE ADAPTAÇÃOINTELECTUAL


Partindo dos estudos de Vygotsky, ao nascerem às crianças tem bem poucas funções mentais elementares, uma delas são atenção, sensação, percepção e memória. Através de diferentes culturas essas funções vão evoluindo e assim chamadas de funções mentais maiores. A ferramenta de adaptação intelectual se da às crianças através de sua cultura, permitindo a elas funções básicasAs funções psicológicas superiores foi a mais estudada por Vygotsky, assim em busca de entender melhor o mecanismo sendo eles mais sofisticados. Alguns exemplos desse tipo de função é a utilização de seus pensamentos conseguindo imaginar algo não concreto que não esta ali no momento, também podendo se prevenir de algo que nunca fez imaginando, talvez. Assim o conceito de mediação é importantepara compreender melhor o funcionamento psicológico.

A mediação nos ajuda a compreender que a relação do homem com o mundo não acontece numa forma direta, mas sim mediada. Nessa mediação entram em estudo também dois principais elementos sendo eles instrumentos e signos. O instrumento é algo que precisamos para auxiliar no nosso trabalho, já os signos são mais a parte do nosso psicológico algoque não se pode manusear, apenas orientar as pessoas, algo que temos conosco a todo tempo, não sendo usados nas ações concretas. Também falava nos signos internos entendendo que assim podendo fazer ligações imaginarias com objetos não presentes no momento, fazendo planos futuros e imaginando antes do acontecido se dando bem futuramente, não fazendo algo errado.

Muito pouco concordava comPiaget, mas algo que os dois concordavam era que geralmente as crianças com menos idade são mais curiosas do que as outras, através disso quanto menor for à criança mais capacidade de aprendizagem ela terá. A diferença era que Vygotsky ao contrario de Piaget acreditava que muitas dessas descobertas não eram feitas sozinhas, mas sim com os outros ao seu redor tendo um dialogo com alguém maisexperiente podendo aprender mais, a principio foca em entender as instruções dadas e após isso cria sua própria maneira sua própria personalidade.

”[...] A diferença entre o que o aprendiz pode realiza independentemente e o que pode fazer orientado e encorajado por um parceiro mais habilidoso [...] é chamado de [...] zona proximal de desenvolvimento [...] é nessa zona queinstruções sensíveis devem ser buscadas e onde o novo crescimento cognitivo é esperado.” (Pereira, Eliane Regina. Caderno de estudos: psicologia geral e do desenvolvimento. Indaial: Grupo UNIASSELVI, 2009).

A zona proximal de desenvolvimento é a diferença entre o que a criança pode fazer sozinha, e o que só consegue fazer junto a uma mais experiente. Com a ajuda e incentivo de parceiros mais...
tracking img