Vigorexia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1152 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A vigorexia pode ser considerada um transtorno dismórfico corporal, assim como a anorexia, mas com a dimensão da força em destaque.
De sete anos para cá, um novo distúrbio psicológico foi detectado, que possui as mesmas raízes da anorexia (pressão social e descontentamento com o próprio corpo), mas com um comportamento diferente das modelos, ou seja, ao invés de não comer, a pessoa se torna umafanática por exercícios físicos.
A isso, o médico Harrison Graham Pope Jr, professor de psicologia em Harvard (quem primeiro diagnosticou esse TOC (transtorno obsessivo compulsivo), e chamou de Vigorexia ou Síndrome de Adônis (inicialmente nomeada Síndrome de Adônis em referência ao mito de um homem, Adônis, tão atraente que a deusa da beleza, Afrodite, se apaixonou a primeira vez que o viu)
Oque é:
A vigorexia, transtorno dismórfico muscular ou Síndrome de Adonis, é uma doença psicológica caracterizada por uma insatisfação constante com o corpo, que afeta maioritariamente os homens, levando-os à prática exaustiva de exercícios físicos.
Sintomas da vigorexia
O principal sintoma da vigorexia é o fato de o indivíduo estar em ótima forma física e continuar achando que seu corpo éinadequado, por ser muito fraco. Outros sintomas são:
* Dor muscular persistente por todo o corpo;
* Cansaço ao extremo;
* Irritabilidade;
* Depressão;
* Anorexia/ Dieta muito restritiva;
* Insônia;
* Aumento da frequência cardíaca ao repouso;
* Menor desempenho durante o contato íntimo;
* Sentimento de inferioridade.
Por norma, os vigoréticos, adotam uma alimentaçãomuito restritiva e passam a eliminar o consumo de gorduras exagerando no consumo de alimentos ricos em proteínas, visando o aumento da massa muscular. É comum que eles também abusem dos anabolizantes.
Eles ficam sempre insatisfeitos com os resultados, vendo-se a si mesmos como indivíduos muito magros, apesar de serem muito fortes e terem músculos muito bem desenvolvidos. Por isso, a vigorexia éconsiderada um tipo de Transtorno Obsessivo Compulsivo e necessita de tratamento.
Causas da vigorexia
As causas da vigorexia são psicológicas, mas acredita-se que possa haver alguma relação com os neurotransmissores do sistema nervoso central, pois alguns casos de vigorexia foram precedidos por doenças como meningite ou encefalite.
Conseqüências da vigorexia
Com o passar do tempo, a vigorexiapode gerar consequências danosas ao organismo como insuficiência renal, hepática; problemas de circulação sanguínea e depressão.
Se houver abuso do uso de anabolizantes, pode haver doenças cardiovasculares envolvidas, câncer de próstata e diminuição do tecido testicular.
Tratamento para vigorexia
O tratamento mais indicado em caso de vigorexia é a psicoterapia, onde os objetivos serão fazer oindivíduo aceitar-se como realmente é e aumentar a sua auto-estima. Além disso, pode ser necessária a toma de medicamentos à base de Serotonina e uma alimentação equilibrada, orientada por um nutricionista.
O que é Vigorexia?
A vigorexia é uma alteração no comportamento que se enquadra entre os transtornos dismórficos corporais. Isso quer dizer que é uma desordem intimamente ligada a uma imagemdistorcida do próprio corpo. Alguns autores usam a terminologia Transtorno Dismórfico Muscular no quadro de transtornos obsessivo-compulsivos, outros assemelham a Vigorexia à Anorexia, no sentido de que ambas seriam patologias narcisistas. Existem, ainda, autores que atentam para a ausência de critérios diagnósticos para validar essas denominações.

Em resumo, a vigorexia caracteriza-se peladistorção da autoimagem do corpo voltada para a questão da força. Os indivíduos vigoréxicos usualmente se descrevem como fracos, pequenos, mesmo tendo desenvolvido musculatura acima da média. O resultado é que acabam desenvolvendo a dependência pelo exercício físico e uma espécie de obsessão pelo corpo musculoso, uma vez que nunca se satisfazem com a condição em que se encontram, ou seja, nunca se...
tracking img