Trabalhos feitos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (257 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Bibliografia : “Crises da República: 1954, 1955 e 1961”. In. FERREIRA, Jorge; DELGADO, Lucília de A. N. O Brasil Republicano, vol. 3. O tempo da experiênciademocrática. Da democratização de 1945 ao Golpe Civil-Militar de 1964. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

Objetivo : O texto tem como objetivo analisar asCrises da República em 1954,1955 e 1961.
Síntese: Morte de Getúlio Vargas; Café Filho virou presidente; Carlos Luz substituiu Café Filho que passava por problemas desaúde, mas Carlos ameaçou dar um golpe, já que Juscelino havia ganhado a eleição presidencial. Militares, então, interfiram Carlos Luz que foi deposto e quemacabou assumindo em seguida foi Nereu Ramos que se encarregou a passar os cargos a Juscelino e João Goulart seu vice.
Juscelino Kubitschek virou história. O Brasilcomeçou a de desenvolver, mas por outro lado, começou a haver uma grande dependência externa. Assim o Brasil começou com uma dependência financeira externa, já que ocontrole estrangeiro sobre a economia brasileira era grande. JK também foi o idealizador da nova capital brasileira, Brasília, que foi um grande ícone do processo demodernização e industrialização do Brasil naquele momento. Mas, a construção da nova capital gerou uma grande polêmica de corrupção. Por conta disso, Jânio Quadrosque era muito populista venceu a eleição para substituir JK, ele prometia “varrer toda a corrupção”.
Após a renuncia de Jânio Quadros, quem assumiu seu lugar foiseu vice, João Goulart. Este assumiu a presidência como regime parlamentarista, mas logo houve um plebiscito, que acabou confirmando a opção pelo presidencialismo.
tracking img