Trabalho sobre rios

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1063 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 – O que faz com que um rio seja mais ou menos veloz é a declividade do leito do rio, a rugosidade das margens, ou seja, o material que forma o leito, a profundidade do leito, a viscosidade da água e a vazão do rio. A velocidade do fluxo é máxima na proximidade do centro do leito do rio, e, comumente. À medida que a vazão de um rio aumenta a profundidade do canal, a largura e a velocidade dacorrente aumentam.

2 – Os rios Mississipi e Colorado possuem velocidades bastante diferentes. O rio Mississipi nasce a 450 m acima do nível do mar, com isso flui com uma velocidade moderada. O rio Colorado tem sua nascente nas Montanhas Rochosas, que estão a mais de 3000 m de altura. Devido a esse alto gradiente, pode-se afirmar que sua velocidade é superior a do rio Mississipi.

3 - Umabarragem é uma intervenção humana, feita em cursos de água para a retenção de grandes quantidades de água. São construídas principalmente para o abastecimento de água em zonas residenciais, agrícolas, indústrias, produção de energia elétrica e controle de conservação de água.
4 – A quantidade de sedimentos transportados por um rio é medida com o auxilio de um medidor de corrente, colocado perpendiculara lâmina d’água.

5 - A bacia hidrográfica do Colorado possui a Barragem de Hoover, perto de Las Vegas, e conta com numerosos canais de irrigação e diques e é usada para navegação e lazer. O rio é modificado a fim de abastecer cidades, server de fonte de água para irrigação e geração de eletricidade.

6 - Os meandros são sinuosidades dos cursos dos rios. Eles são comuns em rios que fluem emdeclives suaves de planícies ou terras baixas. Os meandros são menos pronunciados, mas ainda comuns, onde o canal flui em declives mais íngremes.
Os meandros são retificados e confinados artificialmente pelos engenheiros, canalizados ao longo de uma trajetória reta com a ajuda de cortinas marginais de concreto. Com isso há ocorrência de enchentes, devida à sua canalização e à altura das margensartificiais. Sem a canalização, as enchentes seriam mais frequentes, mas menos prejudiciais. A canalização também destrói as terras úmidas e a maior parte da vegetação e fauna naturais da planície de inundação.

7 – Os diques são formados à medida que a água da cheia alaga a planície de inundação. Com isso sua velocidade diminui e a corrente perde sua capacidade de carregar sedimento. Com isso acorrente deposita, predominantemente, sedimentos grossos, tipicamente areia e cascalho, ao longo de uma estreita tira na borda do canal. Sucessivas inundações formam diques naturais, ou seja, cristas de material grosso que confinam o rio dentro de suas margens nos intervalos entre as inundações.

8 – Deltas são protuberâncias na linha de costa formadas nos locais onde os rios adentram os oceanos,mares ou lagos. Os deltas são constituídos por sedimentos transportados pelos rios que os alimentam. Como o assoalho do lago ou do oceano submerge em águas mais profundas longe da praia, todo o material depositado, de vários tamanhos, forma uma plataforma deposicional.
O enorme volume do Rio Amazonas e sua energia são tão fortes que apenas uma pequena quantidade de sedimentos carregada édepositada na foz, o restante é arrastado pela corrente para o mar. O Atlântico tem suficiente energia das marés para levar a maioria dos sedimentos da Amazônia para o mar, assim, o rio Amazonas não forma realmente um delta

9 – Perfil longitudinal de um rio:

Curso superior: onde a erosão é maior que a sedimentação, pois as declividades são maiores o que acarreta maiores velocidades no curso dorio.
Curso médio: possui gradientes intermediários.
Curso inferior: onde a sedimentação é maior que a erosão. O rio já sem muita energia começa a depositar sua carga sólida.
Nível de base do rio: a elevação na qual ele termina desembocando num lago, oceano ou outro rio.

10 - Uma bacia hidrográfica é uma área do terreno limitada por divisores que vertem toda a sua água para a rede de rios que...
tracking img