Trabalho sobre aborto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5716 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TRABALHO
DE
CONHECIMENTO
TÁCITO E EXPLICITO
DE ABORTO,
OPINIÕES CONTRA E A FAVOR.



GRUPO NOTURNO SALA 27:
PROFºRENE

NOME: ANGELA AGUILERA AFFONSO
NOME: EIRINI TZINIERI
NOME: ELAINE CRISTINA VERGUEIRO
NOME: KELLEN ROBERTA FERREIRA SANTOS
NOME: MARIANNA TZINIERI



PAGINA1
Conhecimento tácito e explicitoConhecimento tácito é aquele que o indivíduo adquiriu ao longo da vida, que está na cabeça das pessoas. Geralmente é difícil de ser formalizada ou explicada a outra pessoa, pois são subjetivas e inerentes as habilidades de uma pessoa, como "know-how". A palavra tácita vem do latim tácitus que significa "não expresso por palavras".

Conhecimento explicito é aquele formal, claro, regrado, fácil deser comunicado. Pode ser formalizados em textos, desenhos, diagramas, etc. assim como guardado em bases de dados ou publicações. A palavra explicita vem do latim explícitos que significa "formal, explicado, declarado". Geralmente está registrado em artigos, revistas, livros e documentos.

Relacionamento entre ambos
É bom lembrar que os dois conhecimentos se completam e se relacionam, sendoimpossível de ser medido em cada indivíduo.
Um indivíduo tem interesse em um determinado assunto, pois este assunto tem um significado especial para ele, mas talvez para outro indivíduo não. O conhecimento é como um emaranhado de significados que vamos construindo ao longo da vida, aonde vamos fixando cada explicação e relacionando-a a outras, montando esta construção sem fim.
Aborto
por LeonardoLeite
Aborto é a interrupção da gravidez pela morte do feto ou embrião, junto com os anexos ovulares durante qualquer momento da etapa que vai desde a fecundação (união do óvulo com o espermatozóide) até o momento prévio ao nascimento.
O aborto pode ser classificado em espontâneo ou provocado.
Aborto espontâneo
Ocorre quando uma gravidez que parecia estar desenvolvendo-se normalmente termina demaneira involuntária, ou seja, quando a morte é produto de acidente, alguma anomalia ou disfunção não prevista nem desejada pela mãe. O aborto espontâneo também pode ser chamado de aborto involuntário ou "falso parto".
O aborto espontâneo é quando a perda do embrião se dá antes da vigésima semana de gestação (5 meses), quando o feto não está em condições de sobreviver fora do útero materno. Asmaiorias dos abortos espontâneos ocorrem durante o primeiro trimestre, diga-se, nas primeiras 12 semanas.
Calcula-se que 25% das gestações terminam em aborto espontâneo, sendo que 3/4 ocorrem nos três primeiros meses de gravidez.
Existem dois tipos de aborto espontâneo: o aborto iminente e o inevitável.
• O aborto iminente é uma ameaça de aborto. A mulher tem um leve sangramento seguido de doresnas costas e outras parecidas com as cólicas menstruais.
• O aborto inevitável é quando se tem a dilatação do útero para expulsão do conteúdo seguido de fortes dores e hemorragia. O aborto inevitável é dividido em três tipos: o incompleto que é quando ocorre depois da saída dos coágulos a saída restante do conteúdo e o aborto preso, que é quando o ovo morre, mas não é expelido.


PAGINA2
Acausa do aborto espontâneo no primeiro trimestre mais comum é uma anomalia cromossômica no feto. As maiorias das anomalias cromossômicas são resultado de um óvulo ou um espermatozóide defeituoso. Essas anomalias são mais comuns em mulheres acima dos 35 anos, por isso, essas mulheres sofrem um maior risco de terem um aborto espontâneo quando engravidam, cerca de 70% dos casos
O aborto espontâneodurante o segundo trimestre deve-se à problemas externos como: incontinência do colo uterino, mal formação uterina, insuficiência de desenvolvimento uterino, fibroma, infecções do embrião e de seus anexos.
Um estudo realizado revelou que mulheres que fumam, consumem álcool ou drogas correm um grande risco e mulheres com infecções vaginais têm 5 vezes mais chances de terem um aborto espontâneo....
tracking img