Trabalho escolar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2373 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
República de Angola
Governo da Província do Bengo
Repartição Municipal da Educação Ciência tecnologia
Escola do l ciclo nº385



Ano letivo 2013
NTRODUÇÃO

O continente africano é considerado como o berço da humanidade. O território atual estado angolano, éhabitado desde o Paleolítico Superior, como indica a presença dos numerosos vestígios desses povos recolectores dos quais se deve salientar a existência de numerosas pinturas rupestres que se espalham ao longo do território.

ÍNDICE
Introdução……………………………………………………………………
1.1Distribuição dos territórios dos povos de Angola………………………..
1.2 Os bantos………………………………………………………………...
1.3 Os Bacongos e as suasorganizações políticas e socias …………………
1.4Os kimbundo e as suas organizações políticas e socias…………………
1.5 Os lunda tchokwe e as suas organizações políticas e socias……………
1.6 Os ovimbundo e as suas organizações políticas e socias……………….
1.7 Os ganguelas e as suas organizações políticas e socias…………………

Distribuição Dos Territórios Dos Povos De Angola
Os Bantus
            Os Bantus de Angola sãoclassificados como pertencentes ao grupo ocidental e a uma pequena vaga de Bantus meridionais, segundo a divisão, ainda hoje admitida sobre os Bantos africanos. Estes formam uma dezena de variantes com mais de uma centena de subgrupos. É um grupo demograficamente mais importante, cuja distribuição territorial abrange a totalidade de Angola.
          Os povos bantos que habitaram em Angola no séculoXII são: Os Bacongos, Kimbundu, os Lunda tchokwe, os Ovimbundo e os Ganguelas.

Os Bacongos
Ocuparam maioritariamente a zona norte entre o mar e o rio Kwanza, concretamente a província de Cabinda, Zaire e Uíge.
As suas organizações políticas e socias
Os bacongo no antepassado e  espírito, que fazem também uma parte na organização social e política. Os traços curiosos encantos ou como ossímbolos do poder que passam para baixo do chefe ao chefe, movimentos nativista, político-religiosos, na maior parte dos bacongo.
Os Kimbundu
Estão repartidos numa grande extensão entre o mar e o rio Kwanza e excedendo para leste e transpondo para Sul o médio Kwanza, que envolve as províncias de Lunda, Bengo, Kwanza norte, Malange e partes de Cuanza Sul.
As suas organizações políticas e socias
OsKimbundu foram organizadores de estados e constam na sua história, notáveis reis e guerreiros. Os Kimbundu são igualmente propensos ao artesanato, praticando agricultura a pesca e a escultura, e em algumas zonas a arquitetura túmulo de pedra para as campas dos seus soberanos.

Os Lunda tchokwe
Estão localizados numa vasta zona, que vai desde o anglo recto superior do quadrante nordeste ate alcançasa fronteira sul, no local em que o rio Cubango atravessa envolve as províncias da Lunda Norte e Sul, Moxico e partes do Cuando-Cubango.
As suas organizações políticas e socias
Historicamente, estão envolvidos no colapso do Reino de Lunda, e no Nordeste de Angola continuam a viver numa estreita coabitação com a etnia Lunda. A sua migração para o Sul, onde muitas vezes se radicaram por grupos emespaços não utilizados por outras etnias, continuou até meados do século XX. A coesão entre eles muito deve a uma rede de autoridades tradicionais que inclui o seu habitat nos países vizinhos. Em termos económicos, a sua base continua a ser a pequena agricultura, exclusivamente para efeitos de subsistência, bem como a caça. Até à data mostram-se pouco abertos ao cristianismo, salvo quando passam afixar-se em contextos urbanos.
Os Ovimbundo
Estão num vasto espaço sob retângula a meio da metade oeste de Angola, Huambo, Bié e parte Norte da Huila.
As suas organizações políticas e socias
São um povo que, até à fixação dos portugueses em Benguela, vivia da agricultura de subsistência, da caça e de alguma criação de gado bovino bem como de pequenos animais . Durante algum tempo, uma...
tracking img