Trabalho escolar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1099 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
matematica

Causa da violência entre os jovens
Honra e masculinidade
Apesar da condição financeira, os fatores que levam os jovens, de modo geral, a valorizarem a violência são a defesa da honra em resposta a humilhações ou mesmo a pequenas situações sentidas como ofensivas, enaltecimento da identidade masculina (sendo que grande parte deles foi criada sem a figura paterna, em situação deabandono), obter respeito e admiração de amigos, parentes e até figuras da sociedade (ainda que de forma inversa, ao sentir medo), fidelidade (defesa do grupo a que pertence), demonstrar competência de agressão, proteção de entes queridos, além de ocultamento ou compensação de déficits sentidos como vergonhosos.
A junção desses valores e a variação deles em cada caso (cada história de vida)justificariam e validariam o recurso à violência na visão de parte destes jovens.
"Assim como todos os jovens, a questão da afirmação social pesa muito e a necessidade de evitar a rejeição social naquele grupo ao qual pertencem é muito grande", analisa o sociólogo Marcus Vinicius Gonçalves da Cruz.
Ele explica que da mesma forma que adolescentes da classe média tentarão se impor ao usar roupas de grifee burlar a vigilância dos pais para pegar sair com o carro, nas camadas mais pobres, a referência para esses jovens está ligada a quem tem poder no local em que vivem, geralmente os traficantes.
"Esses jovens se inspiram no modelo que têm, já que muitas vezes não têm referência mais forte de pais ou mães", observa Gonçalves da Cruz. "A questão econômica não é determinante, senão veríamos regiõesmuito pobres como o interior do Piauí com os mais altos índices de criminalidade e violência, quando concentram-se nas metrópoles."
No meio em que vivem, o convívio no mundo violento de brigas, tiroteios e cadáveres, muitas vezes dessensibiliza os adolescentes e repercute na formação de seus valores.
O comportamento agressivo também é associado a uma forma de defesa, explica Thaïs. Mesmo que apessoa não pratique de fato a violência, recorre à postura e a expressões agressivas, roupas escuras e imagens ameaçadoras. Para a pesquisadora, há, na história de vida desses jovens, ausência paterna, maus tratos e falta de quem pôde se dedicar suficientemente a eles na infância.
"Os jovens que vivem em comunidades carentes e em situação de risco são os que estão mais sujeitos ao que chamamos dedesestruturação social múltipla, na mesma proporção em que se tornam pontas-de-lança da disseminação da criminalidade violenta", explica Márcio Lázaro, do Laboratório de Análise da Violência da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).
[pic]
A família e a violencia – isso deve acabar

Muitos fatores podem influenciar no comportamento dos adolescentes, desde o relacionamento com pais eamigos e o que ele vê na internet até a genética. Ensinar valores e limites é a chave para impedir que ele se torne uma pessoa violenta.
O comportamento violento vindo de jovens já faz parte das notícias diárias e a pergunta constante é: por que eles estão cada vez mais agressivos?

•Livres até de mais.

A cada dia os jovens buscam mais a liberdade, especialmente dentro de casa. Queadolescente gosta que o pai ou a mãe fique ligando o dia todo para investigar seus passos? Seja pela falta de tempo, pois ficam o dia todo fora de casa, no trabalho, ou para passar a imagem de "modernos", os pais estão cada vez mais liberais. Isso não quer dizer que a atitude seja de todo errada, apenas que é preciso dosar o quanto de autonomia se deve dar aos adolescentes.
"De fato hoje os pais têm menostempo disponível para os filhos, o que gera sentimento de culpa. Os excessos são observados quando pai ou mãe agem de forma extremamente permissiva, ou são exigentes demais e tornam os poucos momentos de união cheios de cobranças .Atenção para a atitude que alguns pais têm atualmente.: "Cada vez menos dizem 'não' aos filhos. A família não estabelece limites, da infância à adolescência".
Outra...
tracking img