Trabalho de parto prematuro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (914 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1- Introdução

O nascimento prematuro é um dos maiores problemas ainda não solucionados da Obstetrícia. Apesar de as estratégias de prevenção durante o pré-natal e da Assistência Neonatal teremevoluído muito nos últimos anos a sua incidência, morbidade e mortalidade neonatal continuam elevadas.

O atendimento à gravidez de risco exige equipe médica e de enfermagem especializada devido à suacomplexidade, não apenas considerando-se as patologias, mas, sobretudo, as repercussões sobre a dinâmica familiar, estado emocional; enfim, sobre a mulher, seu conceito e sua família, socioculturais eespirituais.
A ciência da enfermagem está baseada em ampla estrutura teórica e o processo de enfermagem é o método através do qual essa é aplicada à prática. O seu propósito é de oferecer estruturanas quais as necessidades individuais do cliente, seja ele indivíduo, família ou comunidade, possam ser satisfeitas. Utilizando os diagnósticos de enfermagem, de uma classificação como a da NorthAmerican Nursing Diagnosis Association (NANDA), é possível, ainda, o uso de uma linguagem comum, de estrutura organizada.
Quanto à gestação de risco, sabe-se que, embora a gestação seja um fenômenofisiológico, há pequena parcela de mulheres, denominada de gestantes de risco, que, por possuírem características específicas ou por sofrer algum agravo, apresenta maior probabilidade de evoluçãodesfavorável, tanto para o feto como para si mesma. As gestantes de risco representam 15% do total de mulheres grávidas. Nas gestações de risco, as preocupações com o sucesso da gestação se acumulam frente àscomplicações às quais a mulher grávida está sujeita. Dessa forma, a, porque pode levar à visão global da condição tanto da mulher quanto da criança, favorecendo a continuidade da assistência edirecionando-a através de embasamento científico.
2- Desenvolvimento

O conceito de prematuridade inclui todo recém-nascido (RN) vivo com menos de 37 semanas completas de gestação ( 37 semanas
•...
tracking img