Trabalho de exegese

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1595 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução: Estaremos realizando a interpretação profunda de alguns textos bíblicos, usando regras e conceitos metodológicos denominados exegese, pelos quais se busca alcançar o melhor sentido daquilo que está escrito.

Texto: Josué 1. 1-9
A tradição judaica, no talmude, atribui a Josué a autoria literária do livro. Por duas vezes o livro menciona o ato de escrever em conexão com Josué (18. 9;24.26), além das evidências internas do livro que enfatizam que o seu autor foi testemunha ocular da conquista. As partes do livro acrescentadas depois da morte de Josué (15.13-17; 24.29-33), foram provavelmente escritos por um dos “anciãos que ainda viveram muito depois de Josué”( 24.31).O livro foi escrito no século XIV a.C. O momento era muito difícil para o povo de Israel como também para Josué. Moisés acabara de morrer e o povo era totalmente dependente dele, com certeza que tanto o povo quanto Josué, estavam inseguros. Era o momento de transição para Josué, ou seja, ele assumiria o lugar de um homem muito importante e elesentia o peso dessa obrigação, sendo necessário a presença de Deus para encorajá-lo . O fato ocorre quando o Israel estava acampado nas planícies de Moabe, a leste de Jericó e o rio Jordão. Dalí em diante, Israel começaria a tomar posse da terra que Deus havia prometido.
Foi escrito como um registro da fidelidade a Deus, no cumprimento de suas promessas pactuais a Israel, concernentes à terra deCanaã (23.14; Gn 12.6-7). As vitórias da conquista aparecem como atos libertadores da parte de Deus pró Israel sobre uma decadente cultura Cananéia (Dt 9.4). A violência neste livro desse ser enquadrada nesta perspectiva. A arqueologia confirma que o povo cananeu era caracterizado por extrema depravação e crueldade quando Israel ocupou a terra.
O livro de Josué foi escrito ao povo de Israel.E entendo que o autor queria mostrar a fidelidade de Deus para com ele e o povo. Ao encorajá-lo no momento mais difícil da sua vida, que era assumir a liderança de um povo rebelde, inconstante e murmurador, Deus mostra seu cuidado, sua proteção e sua presença. Quando fala de ânimo e esforço para alcançar vitórias, não está dizendo das questões militares, mas sim do estado espiritual e do nível deobediência a Deus. O Senhor não escolhe pelo nível intelectual, mas sim pela disposição do homem para servi-lo, pois Josué era um simples “servidor” de Moisés (Ex.24.13; 33.8-11) e Deus o tornou um grande líder.

Texto: Salmo 54.1-7
Este Salmo foi escrito por Davi, não tendo uma data precisa, mas quase todos os Salmos foram escrito entre o século X a V. O momento era de muito sofrimento paraele, tendo em vista que estava sendo perseguido por Saul que queria tirar-lhe a vida. Ele estava escondido no deserto de Zife por achar que era seguro. Porém, os Zifeus foram até Saul e denunciaram o local onde Davi estava escondido.
Os Salmos, como orações e louvores inspirados pelo Espirito, foram escritos para, de modo geral, expressarem as mais profundas emoções íntimas da alma em relação aDeus. Muitos foram escritos como orações a Deus, a fim de expressarem confiança, amor, adoração, ação de graças, louvor e anelo por maior comunhão com Deus; desânimo, intensa aflição, medo, ansiedade, humilhação e clamor por livramento, cura ou vindicação. Outros foram escritos como cânticos de louvor, ação de graças e adoração, exaltando a Deus por seus atributos e pelas grandes coisas que ele temfeito. Certos Salmos contêm importantes trechos messiânicos.
Este Salmo foi dirigido a Deus como expressão de clamor por livramento. O autor nos faz entender que a oração deve ser sempre o primeiro passo para conseguirmos vitórias, e que se estivermos com nossa vida no altar de Deus, teremos a nossa oração respondida, conforme relatado no salmo.

Texto: Marcos 14. 27-31
O testemunho...
tracking img