Tombamento e empalhamento na cultura do milho (zea mays l.)

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1194 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo – Este trabalho teve por objetivo avaliar o índice de tombamento e de empalhamento em diferentes cultivares de milho nas gerações F1 e F2 dos tratamentos (20A55, 2B710, 30R50, 30F35, TAKTOR, 2B707 e 2B587). Os ensaios foram realizados em blocos ao acaso com 14 tratamentos e 3 repetições. Foram avaliados o número de plantas tombadas e o grau de empalhamento das espigas de milho. Ambas asanalises foram realizadas pelo SASM-Agri e comparadas ao teste de Tukey ao nível de 5% de probabilidade. Em relação aos tratamentos comparados não houve diferença entre tombamento de plantas e nem entre o empalhamento das espigas sendo todas estatisticamente iguais.
Palavra chave:

INTRODUÇÃO
O milho é fundamental para alimentação humana e para as cadeias produtivas de aves, suínos ebovinocultura leiteira, uma vez que é o principal insumo das rações animais, por isso é de suma importância o manejo adequado desta cultura pra evitar perdas, produzindo assim quantidade suficiente para suprir a demanda e obter lucros.
Uma das premissas para obtenção de elevadas produtividades na cultura do milho é a utilização de sementes de qualidade. CÍCERO (1987) indica que a utilização de sementes deboa qualidade por parte dos agricultores será fundamental para o sucesso no estabelecimento da cultura a campo e, certamente, resultará em melhores produtividades.
As principais características das plantas e grãos para o melhoramento genético são a alta produtividade, o baixo acamamento e quebramento das plantas, a alta resistência às doenças e às pragas. (Alexander & Creech, 1977).
A palhada espiga protege os grãos da radiação solar, evitando que sejam submetidos às altas temperaturas nas horas mais quentes do dia, causando secamento rápido e trincamento do endosperma. Também o empalhamento da espiga sem exposição do sabugo ou grãos confere maior proteção contra o ataque de carunchos e de traças no período entre a maturação e a colheita (Machado, 1997).
O empalhamento do milho éum caráter importante para reduzir as perdas do mesmo. (JOÃO et al., 1996)
O acamamento pode ser definido como um estado permanente de modificação da posição do colmo em relação à posição original, o que resulta em plantas recurvadas e até mesmo na quebra de colmos. O acamamento muitas vezes causa a ruptura dos tecidos, o que interrompe a vascularização do colmo e impede a recuperação da planta;afeta a estrutura anatômica essencial para o transporte de água e nutrientes e, quanto mais cedo se manifestar no ciclo de vida da planta, menor serão o rendimento e a qualidade dos grãos (Zanatta & Oerlecke, 1991).
O colmo do milho, além de suportar as folhas e partes florais, serve também como órgão de reserva de fotoassimilados. Após a floração, o fluxo de fotoassimilados é direcionadoprioritariamente ao enchimento de grãos. Quando o aparato fotossintético não produz fotoassimilados em quantidade suficiente para a manutenção dos tecidos, a maior demanda exercida pelos grãos por esses produtos leva os tecidos da raiz e da base do colmo a senescerem precocemente, fragilizando essas regiões (Fancelli & Dourado Neto, 2000; Sangoi et al., 2001; Fontoura et al., 2006).
O grandeproblema é que além da perda de qualidade do grão, já que a espiga deitada fica em contato com o solo úmido, o acamamento provoca dificuldade para o agricultor fazer a colheita mecânica. Isso pode representar muitas perdas no campo. Para driblar o imprevisto, alguns agricultores estão fazendo uma adaptação para que primeiramente o pé seja empurrado para cima para que depois a colheitadeira possapassar na lavoura para colher o milho. Com isso, evita-se que o prejuízo seja ainda maior.
Na produção mundial de milho são estimadas perdas anuais de 5 a 20%, em consequência do acamamento e do quebramento do colmo (Instituto FNP, 2007).
Assim, este trabalho teve por objetivo estimar plantas em relação ao acamamento e ao empalhamento em 7 cultivares diferentes tanto na geração F1 quanto F2....
tracking img