Teste

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3519 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Professor Marco Aurélio

ALAVANCAGEM FINANCEIRA
O conceito de alavancagem financeira é análogo ao da alavancagem operacional: consiste na capacidade da empresa em trabalhar com recursos de terceiros (basicamente, empréstimos, debêntures, ações preferenciais, entre outros) de modo a maximizar os efeitos da variação do lucro operacional (LAJIR) sobre os lucros por ação dos proprietários daempresa.

Para entendimento da alavancagem financeira, é bastante analisar o perfil de um banco comercial no que tange às aplicações e captações de recursos: grande parte do dinheiro que empresta tem origem em depósitos e/ou aplicações de clientes, sendo a taxa de remuneração destes inferiores àquelas dos empréstimos. Em outras palavras, apenas uma pequena parcela (atualmente, cerca de 11%) dodinheiro aplicado em crédito pertence ao capital próprio. A alavancagem financeira dá-se pelo lucro devido à diferença entre as taxas de captação e empréstimo de recursos.

No âmbito empresarial, pode-se visualizar a alavancagem financeira com auxílio do esquema mostrado a seguir:

LAJIR

MENOS: JUROS

LUCRO ANTES DO IMPOSTO DE RENDA

MENOS: IMPOSTO DE RENDA

LUCRO LÍQUIDO



Para tomarum exemplo, recorre-se à empresa ABC (vide exemplo da aula de alavancagem operacional), sendo feita uma análise dos números obtidos:

EXEMPLO: Para proporcionar a atual estrutura operacional, a empresa ABC necessita de recursos que somam R$ 100.000,00. Duas são as possibilidades:

1A. Utilizar 100% de capital próprio.

2A. Tomar 30% do capital necessário junto a terceiros, ao custo médio de30%.

Supondo uma alíquota de 35% de imposto de renda e que o nível de produção seja de 25.000 unidades, definir qual das opções é mais vantajosa.

SOLUÇÃO: Tem-se, da aula anterior, que n = 25.000 unidades e o LAJIR = 37.500,00.

O valor pago, a título de juros, quando a empresa trabalha com 70% de capital próprio, é R$ 4.500,00, ou seja, 15% de R$ 30.000,00, montante tomado de terceiros.100% Capital Próprio 70% Capital Próprio
LAJIR 37.500,00
37.500,00

JUROS (0,00)
(4.500,00)

LAIR 37.500,00
33.000,00

IR (13.125,00)
(11.550,00)

LL 24.375,00
21.450,00


Para responder à pergunta, é preciso que o leitor tenha cautela. A análise superficial dos números conduz o aluno a responder que a situação inicial - 100% de capital próprio - é preferível à segunda,uma vez que o lucro líquido é superior. Ao dar tal resposta, esquece-se o estudante de que, sendo o objetivo do administrador financeiro maximizar a riqueza do acionista e não da empresa, o lucro líquido em valores absolutos não expressa uma medida de grande relevância; após analisar, de forma mais minuciosa, verifica-se:

1. Na situação inicial, 100% de capital próprio, o lucro líquido foi deR$ 24.375,00, porém o investimento do acionista foi R$ 100.000,00. Resulta em um lucro por ação de R$ 0,24, aproximadamente, ou

LPA = LUCRO LÍQUIDO/INVESTIMENTO = 24.375,00/100.000,00 = 0,24375 ou 24,375%



2. Na situação proposta, apenas 70% de capital próprio, o lucro líquido foi de R$ 21.450,00, contudo o investimento do acionista foi de R$ 70.000,00. De maneira análoga àanterior, tem-se:

LPA = LUCRO LÍQUIDO/INVESTIMENTO = 21.450,00/70.000,00 = 0,30643 ou 30,643

CONCLUSÃO: a rentabilidade do acionista sobe, aproximadamente, 25% quando se opta pela segunda situação em detrimento da primeira, maximizando sua riqueza.

Para expressar esses números, tem-se o Grau de Alavancagem Financeira - GAF, assim definido:

GAF = LPA II/LPAI= 30,643%/24,375% = 1,25714

onde:

LPA II = lucro por ação, quando a empresa toma recursos de terceiros.

LPA I = lucro por ação, quando a empresa trabalha com 100% de capital próprio.

PARA DISCUTIR EM CLASSE

1. A independência das áreas operacional e financeira de uma organização.

2. A alavancagem financeira e o risco.

3. O limite para tomar recursos de terceiros....
tracking img