Teste

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4809 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte – 2007, 6(1):27-35
GINÁSTICA PARA TODOS: PERSPECTIVAS NO CONTEXTO DO GINÁSTICA PARA TODOS: PERSPECTIVAS NO CONTEXTO DO GINÁSTICA PARA TODOS: PERSPECTIVAS NO CONTEXTO DO GINÁSTICA PARA TODOS: PERSPECTIVAS NO CONTEXTO DO LAZERLAZERLAZERLAZER
Nara Rejane Cruz de Oliveira Nara Rejane Cruz de Oliveira Nara Rejane Cruz de Oliveira Nara Rejane Cruzde Oliveira
Universidade de São Paulo – Brasil
Resumo: esumo: esumo: esumo: Este trabalho tem por objetivo refletir sobre a prática da Ginástica no contexto do
lazer, apontando a Ginástica para Todos como modalidade capaz de proporcionar a
democratização do acesso à cultura corporal, ao lazer crítico e criativo.
Palavras Palavras Palavras Palavras-ChaveChaveChaveChave: ginástica; Ginásticapara Todos; lazer.
GYMNASTICS FOR ALL: PERSPECTIVES IN THE LEISURE GYMNASTICS FOR ALL: PERSPECTIVES IN THE LEISURE GYMNASTICS FOR ALL: PERSPECTIVES IN THE LEISURE GYMNASTICS FOR ALL: PERSPECTIVES IN THE LEISURE.
Abstract: bstract: bstract: bstract: The work has for objective to reflect on the Gymnastics related to the leisure,
demonstrate the Gymnastics for All as modality with capability of thedemocratic access on
the physical culture, critical and creative leisure.
KeyKeyKeyKeywords:words:words:words: gymnastic; Gymnastic for All; leisure.
INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO
A ginástica contemporânea foi construída a partir de determinados modelos, especialmente os métodos ginásticos europeus
do século XIX. A partir do século XX, o caráter competitivo passou a ser suacaracterística marcante, além da finalidade
estética, que ganhou notoriedade especialmente a partir das décadas de 1980 e 1990, com o surgimento em massa de
academias de ginástica.
No Brasil, assistimos no início deste século XXI a ascendência das ginásticas competitivas, conseqüência do destaque de
ginastas do país em competições internacionais, tanto na Ginástica Artística (antiga GinásticaOlímpica) quanto na Rítmica,
modalidades consideradas tradicionais, em cujos pódios figuravam até algum tempo atrás apenas europeus e americanos. Por
outro lado, a ginástica com finalidade estética, praticada especialmente em academias, tem ganhado grande espaço, com a
promessa (nem sempre cumprida) de esculpir o corpo por meio de sua prática e promover saúde.
Sob estas perspectivas, a ginásticafoi se consolidando na sociedade como prática elitizada, em dois sentidos:
1- Na prática competitiva, visto que se sobressaem apenas os melhores ginastas, que alcançaram o ápice da performance
e atendem a determinados padrões;
2- E nas academias, visto que grande parte da população não possui recursos financeiros necessários para pagá-las.
Vale observar também que, mesmo em aulas de EducaçãoFísica escolar, nas quais a ginástica poderia ser abordada sob
outras perspectivas, muitos professores optam por sua ausência, alegando falta de equipamentos e espaços necessários. Na
realidade, grande parte desses professores, assim como a população em geral, confunde as finalidades das modalidades gímnicas
competitivas com a ginástica em si, contribuindo com a manutenção desta elitização. Ouseja, grande parte dos professores não
27272727
Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte – Volume 6, número 1 , 2007 Nara Rejane Cruz de Oliveira
percebe que as diversas manifestações gímnicas podem ser desenvolvidas atendendo aos objetivos educacionais, possibilitando
aos alunos valiosas experiências corporais, enriquecedoras da cultura corporal humana, segundo o Coletivo de Autores(1992).
Assim, entendemos que é necessário e urgente desmistificarmos a ginástica como prática para elites, discutindo as
possibilidades de sua apropriação como atividade vinculada ao lazer da população, sob perspectivas distintas das mencionadas
acima. Neste sentido, este trabalho aponta a Ginástica para Todos (antiga Ginástica Geral) como prática capaz de democratizar
o acesso à cultura...
tracking img