Sustentabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 28 (6903 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ANHANGUERA-UNIDERP

PÓLO MACE


RESPONSABILIDADE SOCIAL E MEIO AMBIENTE

CAMPO GRANDE
2010

RESPONSABILIDADE SOCIAL E MEIO AMBIENTE

Trabalho apresentado ao Curso de Administração da Universidade Anhanguera-Uniderp, pólo Guaicuru, como requisito parcial para aprovação na disciplina de Responsabilidade social e meio ambiente.

CAMPO GRANDE2010
sumário

1. Introdução.............................................................................................................................04
2. Sustentabilidade....................................................................................................................05
3. Política Nacional do Meioambiente.....................................................................................08
4. Saneamento ambiental..........................................................................................................11
5. Planejamento ambiental........................................................................................................14
6. Consideraçõesfinais.............................................................................................................21
7. Referências bibliográficas.....................................................................................................22
introdução

O objetivo deste trabalho é compreender o conceito de sustentabilidade, bem como, identificar a melhor forma de planejamento ambiental na área de saneamento básico para um município a fim de minimizar os diversos impactosambientais inerentes ao desenvolvimento do espaço urbano.
Sustentabilidade

O termo sustentabilidade remete a um conceito sistêmico, relacionado com a continuidade dos aspectos econômicos, sociais, culturais e ambientais da sociedade humana. Segundo Gallo (2008) “sustentável é todo processo que tem a qualidade de continuidade e preservação, ou seja, é toda atividade humana que nãoextingue os recursos de seu ambiente, dando-lhe tempo e condições para que se renove, seja isto por meio natural ou também por ação humana.” Esta temática tem sido discutida em vários setores econômicos e governamentais, por exemplo, no saneamento básico.
A questão do saneamento não é uma preocupação recente. Muito diferente disso. Desde vários séculos antes da Era Cristã há registros daconstrução de sistemas de captação e distribuição de água e recolhimento de esgoto doméstico como forma de melhorar o bem-estar das populações em crescimento.
Estudos comprovam a existência de esgoto na cidade de Nipur (antiga Babilônia, atual Iraque) desde o ano de 3.700 antes de Cristo. Considerado o primeiro sistema público de abastecimento d’água, o aqueduto de Jerwan foi construído na Assíria em691 A.C. Também os romanos demonstravam grande preocupação com o saneamento básico, tendo construído grande aquedutos em várias partes do mundo a partir de meados do ano 300 A.C.
No entanto a aplicação do conceito de sustentabilidade no saneamento básico ainda está longe de alcançar o ideal na maior parte das cidades brasileiras. O Sinduscon/Fpolis (uma entidade representativa da classepatronal da Indústria da Construção Civil da Grande Florianópolis) faz uma análise do caso de Santa Catarina apontando que o Estado é o segundo pior em cobertura de rede de esgoto do país – fica atrás apenas do Piauí.
Em Florianópolis, cidade turística que tem na exuberância da natureza seu maior atrativo e importante fonte de emprego e renda, a situação não é diferente. Enquanto agentespúblicos enchem a boca para falar de “sustentabilidade”, praias, riachos e córregos sofrem com a poluição. A defesa do meio ambiente, que deveria ser prioridade para qualquer governo, é tratada atualmente como figura de linguagem em busca de votos e para confundir a opinião pública.
Um exemplo recente do descaso pode ser lido na edição de abril do informativo da Associação de Moradores de...
tracking img