Sustentabilidade ambiental

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2743 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1- Identificação da Organização:
Rede Energia S/A
Sediada na cidade de São Paulo, a Rede Energia é um dos maiores grupos empresariais privados do setor elétrico brasileiro. Atua na distribuição, na comercialização e na geração de energia. Com a estrutura de que dispõe, é responsável pelo abastecimento de 34% do território nacional.
A empresa levaenergia elétrica para aproximadamente 16 milhões de pessoas, em 578 municípios, de sete diferentes estados brasileiros: São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Pará.
Opera 317.389 quilômetros de sistema de distribuição, 454 subestações, nove distribuidoras, duas geradoras e uma comercializadora.
Site: WWW.gruporede.com.brFuncionária: Ana Luzia de A.B.M. Abrão
Gerência de Assuntos Ambientais | Enersul - Rede Energia

Missão
Prestar serviços de energia elétrica com responsabilidade social e ambiental, visando à satisfação dos clientes, colaboradores, fornecedores e acionistas e contribuindo para o desenvolvimento do país.
Visão
Ser reconhecido como grupode excelência no setor de energia elétrica pelo serviço prestado, pela tecnologia empregada e pela qualificação dos colaboradores.
Valores
Integridade: respeito à moral, aos bons costumes, às leis, a si próprio e ao próximo.
Competência: saber fazer, poder fazer e querer fazer. Excelência: fazer com um grau de qualidade que o diferencie.
Responsabilidade: cumprir bem os deveres para com asociedade, a família e a empresa.
Criatividade: buscar soluções alternativas, inovadoras e originais (novos paradigmas).



2- Justificativa Sobre a Escolha da Empresa:
A empresa Grupo Rede, (Enersul), em Mato Grosso do Sul, foi escolhido por serem umas das grandes empresas no Brasil, que se preocupa com a sustentabilidade. Possui um programa belíssimo deresponsabilidade sócio-ambiental.
Também esta empresa é um modelo nesta iniciativa de preservação na política ambiental, pois muitas empresas a nível nacional a tem procurado para orientação neste segmento.

3- Ações para Redução do Aquecimento Global:
Merece destaque o progressivo processo de desativação das usinas termelétricas movidas a diesel. Das 74unidades sob responsabilidade da Rede Energia, 29 foram desativadas desde 2005, 19 delas só em 2008, o que significa a redução no consumo de 78 milhões de óleo diesel em 2008, deixando de ser emitidas 208 mil toneladas de CO2 na atmosfera.
Um dos projetos ambientais que demandaram mais recursos, em 2008, foi à interligação dos sistemas isolados de distribuição de energia,possibilitando a desativação de usinas termelétricas que utilizam combustíveis fósseis para a geração de energia. Em 2008, a Rede Energia investiu aproximadamente 220 milhões nesse projeto e desativou 19 usinas, totalizando 29 unidades desde 2005.
Com essa iniciativa, até o fim de 2008, evitou-se o consumo de 176 milhões de litros de óleo diesel, o que significa 468 mil toneladas amenos de CO2 lançadas na atmosfera.
Estima-se que, até o fim de 2009, quando outras cinco usinas forem desativadas, o volume acumulado de óleo diesel não queimado deva atingir 306 milhões de litros, o que corresponde à redução de 814 mil toneladas de CO2 emitidas. Esse projeto enquadra-se na categoria de Mecanismos de Desenvolvimento Limpo (MDL) do Protocolo de Kyoto.O deslocamento total da geração de energia elétrica produzida por combustível fóssil nos sistemas isolados para a geração de energia elétrica proveniente do sistema interligado, menos intensiva em carbono, contribui para que sejam cumpridos os compromissos internacionais de redução de emissão de gases de efeito estufa.

4- Ações para Alcançar os Oito Objetivos do Milênio:...
tracking img