Sistema especialista

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1029 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Um sistema especialista (SE) pode ser visto visto como uma subária da Inteligência Artificial, desenvolvido a partir da necessidade de se processar informações não numéricas, um sistema especialista é capaz de apresentar conclusões sobre um determinado tema, desde que devidamente orientado e “alimentado”.
Um sistema especialista (FLORES, 2003) é uma forma de sistema baseado no conhecimentoespecialmente projetado para emular a especialização humana de algum domínio específico. Um SE irá possuir uma base de conhecimento (BC) formada de fatos, regras e heurísticas sobre o domínio, tal como um especialista humano faria, e devem ser capazes de oferecer sugestões e conselhos aos usuários e, também, adquirir novos conhecimentos e heurísticas com essa interação.
O objetivo do sistemaespecialista é bastante restrito, se considerar o objetivo dos modelos psicológicos: os SE’s são concebidos para reproduzir o comportamento de especialistas humanos na resolução de problemas do mundo real, mas o domínio destes problemas é altamente restrito (BARR; FEIGENBAUM, 1981).
Os primeiros sistemas especialistas que obtiveram sucesso em seus objetivos foram os sistemas DENDRAL (FEIGENBAUM;BUCHANAN; LE- DERBERG, 1971) e MYCIN (SHORTLIFFE, 1976).
A partir dessa época, vários sistemas foram desenvolvidos e resolveram diversos problemas, em diferentes domínios, como por exemplo, agricultura, química, sistemas de computadores, eletrônica, engenharia, geologia, gerenciamento de informações, direito, matemática, medicina, aplicações militares, física, controle de processos e tecnologiaespacial.
Pode-se dizer que um sistemas de produção é um nome genérico para todos os sistemas baseados em regras de produção, isto é, pares de expressões consistindo em uma condição e uma ação. Inicialmente a idéia dos sistemas de produção foi introduzida por Post, em 1936, quando ele propôs os chamados sistemas de Post (DIVERIO; MENEZES, 2000).
Na representação de um modelo de sistema de produção,apresentamse dois componentes: o conjunto de regras e a memória de trabalho. Esses componentes são definidos conforme:
• Regras de produção: conjunto ordenado de pares (LHS, RHS), onde LHS e RHS são seqüências de caracteres.
• Memória de trabalho: uma seqüência de caracteres.
Apresenta ainda, um componente ativo, chamado interpretador. Esse interpretador realiza o seguinte procedimento: paracada regra (LHS,RHS), se a seqüência de caracteres LHS está contida na memória de trabalho, então substituir os caracteres LHS na memória de trabalho pelos caracteres de RHS; se não continuar na próxima regra.
O sistema PAS II e o sistema VIS utilizaram o modelo de sistemas de produção para a modelagem do comportamento humano. O formato condição-ação se adapta à modelagem de comportamentosbaseados em pares.
Um sistema especialista apresenta uma arquitetura com os seguintes componentes: base de conhecimentos, mecanismos de inferência, explanação e aquisição de conhecimento. A base do conhecimento reune o conhecimento do especialista modelado conforme a representação do conhecimento escolhida para modelar o domínio em questão. Atualmente não existe um formalismo de representação quepossa ser considerado melhor do que todos os outros existentes. O mecanismo de inferência examina o conteúdo da base de conhecimentos, decidindo a ordem em que se tiram as inferências. Assim, o mecanismo de inferência conduz a consulta com o usuário, transferindo os fatos e regras, utilizados durante uma consulta, para a memória de trabalho.
O módulo de aquisição de conhecimentos é responsável pelaatualização da base de conhecimentos, através de um mecanismo de interação cooperativa, gerado a partir do módulo de explanação. O módulo de explanação é responsável pela descrição do raciocínio do sistema para o usuário, sendo ativado tanto pelo mecanismo de inferência como pelo módulo de aquisição de conhecimentos. O mecanismo de inferência evoca o módulo de explanação, visando a um processo...
tracking img