Simulados provas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 38 (9373 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Curso : Guia de Turismo
Eixo Tecnológico: Hospitalidade e Lazer



Plano de Curso para:





01 - Habilitação: Técnico em Guia de Turismo


1 Carga Horária: 800h.


2 Estágio Supervisionado 100h




Módulo I - Introdutório
Carga Horária)
400h.( Noturno)

Módulo II –
Carga Horária
400h. (Noturno)Estagio Supervisionado Noturno: 100-h.






APRESENTAÇÃO


A criação de um Curso Técnico em Guia de Turismo no município de Dores do Rio Preto vem abrir a discussão sobre a relação entre turismo, meio ambiente e suas potencialidades, um produto do projeto da Educação Profissional da Secretaria do Estado da Educação. Trata-se de mais uma iniciativa para envolver toda a sociedade noesforço de dar qualidade e oportunidade de trabalho através da mão de obra qualificada, além de aumentar a competitividade do turismo brasileiro, com vistas no desenvolvimento econômico e social do Brasil. Neste caso, com os olhares voltados para alunos do Ensino Médio.
No intuito de orientar e facilitar o trabalho dos profissionais junto aos alunos apresenta-se no Plano de Curso, alguns textos eatividades complementares abordando temas relevantes para o turismo de forma sustentável e inclusiva, gerando renda e benefícios para todos da cidade. O desafio é qualificar os alunos em conteúdos de turismo, para que absorvam novos conhecimentos e despertem em outros colegas o interesse pela conservação do patrimônio natural e cultural e também pelas carreiras emergentes no mercado do turismo.
OCurso Técnico em Guia de Turismo se insere nas diretrizes do Plano Nacional de Turismo, que reconhece o turismo como atividade econômica e incentiva parcerias para o desenvolvimento do setor. Dessa forma através da parceria entre a Secretaria de Estado da Educação, Escolas brasileiras e Agentes públicos e privados será somado esforço conjunto democratizando para todos o conhecimento sobre asvárias faces do turismo. Os alunos terão a oportunidade de vislumbrar no turismo um fator de construção da cidadania e de integração social.
Parte das atividades apresenta sugestões, a outra parte depende das pesquisas a serem realizadas conjuntamente com o grupo a ser formado do corpo docente, considerando a realidade cultural que os alunos vivenciam e as peculiaridades regionais. O sucesso destetrabalho depende muito da pesquisa, atividades de campo e da sintonia com o trabalho dos professores dentro dos módulos, pois muitas atividades podem ser realizadas em conjunto.
A criação do Curso é apenas um impulso e o caminho a ser trilhado é o da busca de informações. Que esta seleção sinalize caminhos do saber, do ser, do agir, do refletir, do construir enfim de ser feliz, pois estamos na erada globalização da informação e cabe à escola, neste atual contexto de século XXI, processar essas informações e oportunidades em conhecimentos.
Neste sentido, ensinar não é transferir conhecimentos e conteúdos, é a ação pela qual um sujeito criador dá forma, alma, a um corpo indeciso e acomodado. Não há docência sem discência, as duas se explicam e seus sujeitos, apesar das diferenças, não sereduzem à condição de objeto um do outro. Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina a aprender, portanto, só existe ensino quando este resulta num aprendizado, ou seja, em que o que foi ensinado realmente se tornou conhecimento para o aprendiz.
Vendo dessa forma propomos e visualizamos esse plano de curso voltado para a educação profissional.



1 - JUSTIFICATIVA

A Escola Estadualde Ensino Fundamental e Médio “São José” localizada no Distrito de Pedra Menina, área urbana do município, possui uma clientela diversificada com alunos oriundos de outras comunidades envolvidas no processo de ecoturismo e agro turismo . Por ser uma escola de Ensino Médio diferenciado no que se refere à estrutura física, com uma equipe técnica completa, tornou-se referência para o município,...
tracking img