Senso comum

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (254 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS
ECONÔMICAS DE APUCARANA

Nathan Cardoso Silverio

O senso comum e a ciência1

Apucarana
2011
Nathan Cardoso Silverio

O senso comum ea ciência1

Trabalho apresentado para obtenção de nota parcial na disciplina de Metodologia Científica, Tecnólogo de Comercio Exterior,da Faculdade Estadual de Ciências Econômicas de Apucarana, ministrada pela Docente Carla Michele Ramos Torres.

Apucarana
2011

O senso comum e a ciência1

Nathan CardosoSilverio

A Ciência e o cientista não empregam o mesmo valor da suas funções com eram antigamente. Hoje um cientista é muito mais lembrado por uma propaganda doque exatamente sua exata utilidade. Isso é perigoso pois estes “cientista de propagando” acabam nos influenciando, porque as pessoas preferem acreditar neles invés de pararpara pensar e tentar perceber se realmente isso ou aquilo é bom.
Um cientista nada mais é que uma pessoa especializada em uma determinada coisa, isso não quer dizerque ele é melhor ou pior do que eu ou você.
O Conhecimento cientifico não esta totalmente correto, não é o que exatamente devemos seguir de olhos fechados, poisele depara com o senso comum.
Isso se baseia praticamente em que a ciência é apenas uma especialização determinada, o senso comum é o que e como as pessoas em quenão passaram por tais especializações, agem e pensam, mas nem por isso são menos intelectuais, apenas preferem que os outros pensem por elas.

__________________
1 ALVES,Rubem. Filosofia da Ciência - Introdução ao jogo e suas regras. São Paulo: Brasiliense,1981.
Nathan Cardoso Silverio(1°ano/Tec.Comex/FECEA)

-----------------------

[pic]
tracking img