Sarampo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1349 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ENFERMAGEM

SARAMPO

Niterói 2009

" 2 SARAMPO
É uma doença aguda, de alta contagiosidade, causada por vírus RNA, pertencente ao gênero Morbilivirus da família Paramyxovirida, São conhecidos cerca de 23 genótipos do vírus (CDC, 2006).

HISTÓRIA DO SARAMPO NO BRASIL ANTES DO SÉCULO XX
Muitos são os relatos de epidemias desarampo antes do século XX, por padres jesuítas e médicos no Brasil.

SÉCULO XX -DÉCADA DE 1960
[segunda metade do século] Década de 60 Desde essa década [a partir de 1964] vários estados já realizavam ações de vacinação. Em termos de país estas ações se davam de forma descontínua, não sistematizada, a critério das SES(secretarias estaduais de saúde), de cada estado e das

possibilidades edecisão de importação das vacinas a serem utilizadas em seu território.

EM 1964
-fntrodução da primeira geração da vacina [vírus vivos atenuados contra o sarampo]

EM 1967
-No Brasil a vacina contra o sarampo começou a ser introduzida.

EPIDEMIOLOGIA
Doença de distribuição universal, com variação sazonal, acomete ambos os sexos, independente da idade, desde que sejam suscetíveis;

AINCIDÊNCIA
A evolução clínica e a letal idade são intluênciadas pelas condições sócio - econômicas, estado nutricional e do imunitário bem como lugares com aglomeração de pessoas. Atualmente os países Américas não apresentam casos autócnes de sarampo embora o vírus circule em praticamente todos os outros continentes; No Brasil, desde 2001 não existe circulação autócne do vírus. Em 2006 foramconfirmados 57 casos no Estado da Bahia, possivelmente importado por um estrangeiro, comprador de pedras preciosas, (Genótipo tipo 04 04).

RESERVATÓRIO

E FONTE DE INFECÇÃO

o Homem

é o único hospedeiro natural conhecido

MODO DE TRANSMISSÃO
É transmitido diretamente de pessoa para pessoa, através das secreções nasofaríngeas, expelidas ao tossir, espirrar, falar ou respirar.

FISIOPATOLOGIAo Sarampo

é uma infecção generalizada;

A virernia decorrente da infecção provoca uma vasculite generalizada, responsável aparecimento das diversas manifestações clínicas do sarampo. As lesões acometem toda a superfície epitelial, cérebro e o sistema linfático; O cérebro e a medula espinhal na encefalomielite petequiais. do sarampo mostram evidências de edema, congestão e hemorragias 3

PERÍODO DE INFECÇÃO
Geralmente dura 10 dias (variando de 7 a 18), desde a data de exposição à fonte de infecção até o aparecimento da febre, é cerca de 14 dias até o início do enxantema. De 4 a 6 dias antes do aparecimento do exantema até quatro dias após, o período de maior transmissibilidade antes e dois dias após o início do exantema. ocorre dois dias

EVOLUÇÃO: MANIFESTAÇÕES
-Anorexia - Conjuntivite - Tosse - Coriza - Exantema máculo-papular - Manchas(sinal) de koplik generalizado

CLÍNICAS:

- Febre alta (acima de 38°)

A EVOLUÇÃO DA DOENÇA APRESENTA TRÊS PERÍODOS BEM DEFINIDOS:
- Período prodrôrnico ou catarral; - Período exantemático; - Período de convaslecência ou de escamação furfurácia.

MANIFESTAÇÕES

CLÍNICAS

PERÍODO PRODRÔMICO OU CATARRAL
- Duração de6 dias.

INÍCIO DA DOENÇA:
- Febre acompanhada de tosse e catarro; - Corrimento do nariz e dor nos olhos; - Conjuntivite (inflamação e vermelhidão nos olhos); - Fotofobia.

PODE OCORRER:
- Pequenas ínguas no pescoço; - Reações dolorosas no abdome.

ULTIMAS 24 HORAS DO PERÍODO (SEXTO DIA)
SINAL DE KOPLIK - surge na altura dos pré-molares, na região interna da bochecha; - Pequenas manchasbrancas com as bordas vermelhas. OBS: - Sinal típico do sarampo.

PERÍODO EXANTEMÁ TICO
- Ocorre a Piora de todos os sintomas; -A indisposição é muito grande;

4
-Surgirnento do exantema maculo-papilar típico do sarampo; - Distribuição de diversas pintinhas vermelhas na pele, em sentido crânio-caudal.

o EXANTEMA

COMEÇA A APARECER:

- Atrás das orelhas e da face; - No dia posterior...
tracking img