Resenha mar adentro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (345 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Este filme questiona os limites de cada um, os limites da ciência, da lei, do poder, a autonomia humana pessoal consciente, questiona a validade de uma morte digna como sendo ética ou não e arespeito do sentido ético da lei.
Ramon consciente sente que viveu bem, mas sabe que sua vida depois do acidente se resumirá numa cama, paralisado, sobreviveu a esta condição por 28 anos e deseja a sualiberdade, voar como um pássaro, não deseja mais a humilhação de ser cuidado nas mais básicas atividades cotidianas de higiene e alimentação.
Esta dependência, e o luto familiar diante de seu estado seconstituem em mensagens ambivalentes em que o conteúdo verbal vem sempre acompanhado do conteúdo não-verbal como semblantes, angústias, isolamento mesmo tendo todo o carinho, nunca estará presente namesa durante as refeições, portanto confirma a dor que envolve todos. Ramon deseja uma boa morte, sem dor, sem sofrimento. As vontades de Ramon não serem escutadas lhe causam muito sofrimento, em meioa este drama, ele sente amor, ternura, faz amizades, encontra pessoas e situações que lhe chegam como “situações irmãs”, encontra sentido no não-sentido, mas em vez de distanciar-se da idéia daEutanásia, Ramon percebe a morte como algo mais próximo ainda, investe em buscar aliados e acaba recebendo ajuda na sua morte e esta ajuda que recebe, as novas amizades, a gravidez da amiga e o nascimentode uma nova vida resgatam a vida que ele viveu, dão sentido a liberdade de fazer-se sentido, em viver, no sentido do que lhe seja mais humano.
Atualmente não existe possibilidade de se recorrer aEutanásia, é contra a lei, porém os profissionais de saúde devem aprender a lidar com os pacientes que lhe trazem estas questões e na medida de suas possibilidades poderem escutá-los e dizer-lhesclaramente que não podem executar determinado pedido, uma vez que na medida em que se compartilhem sentimentos e impotências não se está abandonando este paciente, respeitar significa saber ouvir, envolve...
tracking img