Resenha filme surplus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (333 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resenha do filme SURPLUS

O filme SURPLUS apresenta a realidade dos dias de hoje, ele apresenta criticas ao capitalismo como o consumo desenfreado, e que o homem virou uma maquina de consumo edestruição, onde as pessoas estão sendo manipuladas, através de propagandas e publicidades, onde milhões de pessoas assistem, e acabam sendo influenciadas a comprar coisas totalmente supérfluas.
O filmetambém faz criticas ao sistema socialista, e mostra um pouco de como esse sistema funciona em cuba, onde o país é governado por Fidel Castro, onde as pessoas não têm liberdade de escolhas, as mesmastêm que seguir a um sistema, onde as pessoas não têm liberdade de manifestar suas opiniões contrarias, pois sabem que pode acabar sendo morta.
No filme também e feito criticas ao uso da tecnologia, emostra que estamos cada dia mais dependentes delas, o que nos tornam pessoas mais individualistas, e que para essa tecnologia chegar ate a gente, ouve exploração de recursos naturais, onde tiramossem pensamos nas conseqüências, e que houve trabalho praticamente que escravo em algum lugar do mundo, para que aquele produto chegasse até nossas mãos, e que crianças que deveria estar na escola, estãotrabalhando para ganhar muito pouco, para só encher os bolsos dos maiores, o mostra que o capitalismo é um sistema, onde os pobres são explorados e ganham uma minoria, e os ricos acabam ficando com amaior parte que é o lucro, mostra que o esse sistema é desleal, onde a riqueza é totalmente mal dividida. No filme também e apresentado as idéias de Jonh Zerzan, o mesmo acredita que os problemas dahumanidade serão resolvidos, quando o mundo decidir viver, sem tecnologias, sem indústrias...
E por fim, no filme foi mostrada uma fabrica de bonecas sexuais, onde o cliente pode escolher sua boneca,com o corpo, formas, cabelos, da forma que o mesmo quiser. Essa fabrica nos representa no capitalismo, como somos individualistas, somos que nem fantoche, ou seja, somos manipulados pelo sistema...
tracking img