Relatorio clinico psicopedagogia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 41 (10220 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1 – INTRODUÇÃO

O presente trabalho é o resultado de uma experiência de estágio na área de psicopedagogia clínica, realizada em uma escola pública da Rede Municipal do Recife.
Possui como finalidade, registrar a vivência e aplicação prática das informações teóricas abordadas na disciplina Psicopedagogia Clínica do Curso de Especialização em Psicopedagogia, através do desenvolvimento doprograma de estágio, além de proporcionar um aprofundamento do conhecimento teórico e prático, através da produção de um diagnóstico psicopedagógico.
De acordo com Weiss (1992, p.18) o “objetivo básico do diagnóstico psicopedagógico é identificar os desvios e os obstáculos básicos no Modelo de Aprendizagem do sujeito que o impedem de crescer na aprendizagem dentro do esperado pelo meio social.” Paraisso buscou-se uma fundamentação teórica com base nos autores Fernández, Paim, Piaget, DiLeo, Weiss, Visca e Sampaio, cujas concepções nortearam todas as análises e conclusões desenvolvidas.
A avaliação diagnóstica foi realizada com a cliente L. N., atualmente com nove anos e onze meses, concluinte do 4º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública da Rede Municipal do Recife, encaminhada pelacoordenadora pedagógica tendo como queixa principal, dificuldades na leitura (lê devagar, troca letras e às vezes gagueja) e o comportamento “nervoso” e agressivo quando contrariada.
Antes do início das sessões com L.N. realizou-se uma entrevista de reminiscência (Anamnese) com a mãe (ANEXO A), objetivando colher maiores informações a respeito da cliente. (Históricos familiar, clinico e escolar)A investigação diagnóstica foi realizada através dos seguintes recursos avaliativos: entrevista com a aprendente, Hora do jogo, e provas envolvendo aspectos cognitivos, psicomotores, afetivos e da aprendizagem formal. Em seguida foram analisados, chegando-se à hipótese de que a cliente teria um problema de aprendizagem sintoma e sua modalidade de aprendizagem é sintomatizada nahipoassimilação-hiperacomodação.
Realizou-se ainda entrevistas com a irmã e o professor de sala de aula de L.N. visando confirmar aspectos identificados e dar maior segurança para a conclusão da hipótese diagnóstica.
Procedeu-se então a elaboração de um roteiro para a devolutiva e encaminhamentos (realizados com a família, L.N e a escola) e o Projeto de Intervenção Psicopedagógica com o objetivo de: Promover umacompanhamento clínico que liberte a inteligência e mobilize a circulação do conhecimento no ambiente familiar patológico, ressignificando as primeiras modalidades de aprendizagem.

2 - CASO CLÍNICO

2.1 – CONHECENDO O CLIENTE

A avaliação diagnóstica foi realizada com a cliente L. N., nove anos, nascida em 04 de março de 2003, concluinte do 4º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública daRede Municipal do Recife.
L. N. é filha de J. L. (37 anos) e S. S. (38 anos). Os pais não são casados e não tem contato desde os três meses de idade da criança. Possui uma irmã (21 anos que tem um filho de dois anos) e um irmão (19 anos) que são do primeiro casamento da mãe. Reside em uma casa com: a avó materna (66 anos, analfabeta), a mãe (Ensino Médio, Auxiliar de Higiene), duas tias (umacozinheira de creche com Ensino Médio e a outra que cursou até o primeiro ano do ensino médio e é a responsável pelas tarefas da casa), um tio (gráfico com Ensino Médio), a irmã (com graduação incompleta em Educação Física), o irmão (cursando o Ensino Médio e Auxiliar de Higiene), o sobrinho e um primo (10 anos, concluinte do 5º ano do Ensino Fundamental, filho da tia responsável pela casa, quesegundo relatos necessita de acompanhamento neurológico).
A queixa principal citada pela mãe trata-se de dificuldade de leitura. L. N. apresenta leitura lenta, além de gaguejar e trocar letras.
Buscando promover a compreensão do caso clínico procedeu-se uma síntese anamnésica. Para tanto, considerou-se Weiss (1992, p.48) que ressalta ser a anamnese “um dos pontos cruciais de um bom diagnóstico”....
tracking img