Racismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3926 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola Superior de Educação de Santarém
Curso de Pós Graduação em Apoio Educativo a Populações Especiais

O racismo: breve abordagem conceptual

Disciplina: Multiculturalidade e Aprendizagem Docente: Joana Campos

Elaborado por: Maria Luísa Rolim

Fevereiro 2005

Índice

1. Introdução ------------------------------------------------------------------2. O racismo no senso comum e naciência -------------------------------3. Novos racismos ---------------------------------------------------------4.Conclusão --------------------------------------------------------------------5. Bibliografia ------------------------------------------------------------------

1 2 6 11 13

1. Introdução
Ao falarmos de raça estaremos implicitamente a falar de características que identificamum determinado número de pessoas? Ou pelo contrário, este termo poderia ser banido do léxico, tal com afirma João Filipe Marques1? A verdade é que a palavra existe no discurso do quotidiano e é empregue pelas as ciências sociais, embora sempre envolto em grande controvérsia.

Numa tentativa de sistematização e esclarecimento da temática, este trabalho aborda a dinâmica da construção e associaçãodestes conceitos, muitas vezes utilizados de forma inadequada e mesmo abusiva. Deste modo, o objectivo do nosso trabalho é o aprofundamento das questões relacionadas com a conceptualização do termo racismo e suas alterações temporais.

Assim sendo, apresentamos duas partes fundamentais. Uma primeira, que incidirá sobre o conceito de raça, e por inerência o termo racismo. Num segundo momento,iremos referir a questão do surgimento de novos racismos e suas implicações. Como conclusão, apresentaremos uma síntese, sobre aquilo que consideramos ser essencial.

A metodologia a utilizar, centrar-se-á primordialmente numa interpretação e pesquisa, assente em textos e artigos. Deste modo, pretendemos atingir um melhor e mais profundo entendimento sobre o tema, o qual, para profissionais comonós que diariamente, são confrontados com as mais diversas populações, se revela assaz pertinente. A consciência da existência de estereótipos, que mais não são que concepções generalizadas e mitificadas de algo que, embora tenha tido as suas origens em ideologias passadas, assenta fundamentalmente no senso comum, proporciona-nos um valor acrescentado considerável para a nossa acção de pedagogos…1

João Filipe Marques, Ainda podemos falar de “raças”? A raça enquanto conceito sociológico, in António Amorim, O que é a raça? , OIKOS, 1997,p.65

2. O racismo no senso comum e na ciência
A abordagem do conceito de raça é fundamental para a compreensão do aparecimento e da evolução do racismo.

Na história das ciências naturais, o termo raça foi inicialmente utilizado na Zoologia e naBotânica para classificar espécies de animais e de vegetais. Foi neste sentido, que o naturista sueco Lineu, o utilizou para classificar as plantas em classes ou raças2.

No latim medieval, o conceito raça passou a designar a descendência, a linhagem, ou seja, um grupo de pessoas que têm um ancestral comum e que, possuem características físicas comuns. Mais tarde, o conceito passa a ser utilizadopara diferenciar as classes sociais e para denominar as relações de sujeição e de dominação, entre a nobreza e o povo, sem que existissem diferenças morfobiológicas notáveis, entre os indivíduos pertencentes a ambas as classes.

As descobertas do século XV, colocaram em dúvida o conceito de humanidade, até então conhecida nos limites da civilização europeia. A sociedade é assim confrontadacolectivamente, pela primeira vez, com o diferente. Até finais do século XVII, a explicação sobre os outros, passava pela Teologia e pelas Escrituras, que tinham o monopólio da razão e da explicação. Para aceitar a humanidade dos outros era preciso provar que também eles eram descendentes de Adão. Prova parcialmente fornecida pelo mito dos Reis Magos, cuja imagem exibe personagens representantes das...
tracking img