Publicidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1891 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE MAURÍCIO DE NASSAU
COMUNICAÇÃO SOCIAL

TEORIA DA IMAGEM

NATALIE SILVA

RECIFE
2012
NATALIE SILVA

TEORIA DA IMAGEM

Projeto acadêmico com vistas à avaliação na disciplina Teoria da Imagem, MA 3º período, matrícula 01056907, do curso de Comunicação Social, da Faculdade Maurício de Nassau.
Orientador: Nil

RECIFE
2011

“Comunicação não é o que você diz. É o que osoutros entendem."
(Duda Mendonça)
RESUMO

Este trabalho acadêmico é uma sinopse do conteúdo abordado em sala de aula, das obras lançadas para auxílio da disciplina de Teoria da imagem e principalmente, da melhor compreensão que imagem tudo tem haver com comunicação.

LISTA DE FIGURAS

Figura 1 – Foto real do atentado 11
Figura 2 - Foto manipulada do atentado 11
Figura 3 - Imagem daépoca do transplante e de um ano depois (dir.), retocada pelo hospital 12

SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO 8
2. TEXTO 01: “INFORMAÇÃO FALSA E PUBLICADA EM JORNAIS AGITA MERCADO DE COMUNICAÇÃO DO PARANÁ”. 9
3. TEXTO 02: “MANIPULAÇÃO DE IMAGEM DESQUALIFICA JORNALISMO SÉRIO.” 10
4. TEXTO 03: “IMAGEM ALTERADA PÕE TRANSPLANTE DE FACE SOB SUSPEITA”. 12
5. LIVRO: INTRODUÇÃO À ANÁLISE DA IMAGEMCAP 01: “O QUE É UMA IMAGEM?” 13
6. À PRIMEIRA VISTA 14

1. INTRODUÇÃO

As conexões entre o homem, o trabalho e a própria inteligência dependem da metamorfose incessante de dispositivos informacionais de todos os tipos. Esses dispositivos estiveram presentes desde os primórdios da civilização humana.
O mundo é comunicação: cada atitude, cada comportamento, cada gesto, nossapersonalidade, hábitos, nosso sucesso ou fracasso no trabalho, tudo é comunicação ou esforço para consegui-la.
Cada dispositivo de comunicação, seja a fala, a pintura na caverna, os manuscritos, o livro, o hipertexto geram certo tipo de relação, de conhecimento da realidade.
Sendo a prática considerada como o documento que possibilita o relacionamento, é possível compreendê-la como um dos elementosfundamentais na transformação do mundo humano.

2. TEXTO 01: “INFORMAÇÃO FALSA E PUBLICADA EM JORNAIS AGITA MERCADO DE COMUNICAÇÃO DO PARANÁ”.
[Beatriz Martins de Castro Morais (Bia Morais), Minas Gerais, brasileira, jornalista - 08/05/2007]

A jornalista faz referência à criação de uma polêmica gerada por uma nota sem conteúdo verídico. Ela tenta nos alertar sobre a possibilidade de mesmo sendono meio jornalístico, há sim a possibilidade de cometer erros caso não investiguem a matéria a ser publicado e/ou qual a fonte que está recomendando.  Outros autores foram citados no contexto, os jornalistas Roberto José da Silva e Hélio Marques. Beatriz aborta sobre a matéria que gerou um desentendimento até mesmo na classe jornalística. Lembra que nem sempre a tecnologia da internet é favorávelao conteúdo correto. Que os jornalistas deviam antes de tudo, averiguar a veracidade do que vai ser publicado e não confiar em fontes dúbias. 
O texto está bem claro, internet é algo nada confiável. Até mesmo quem trabalha divulgando a notícia, ao crer numa "fonte confiável" teve sua matéria contestada. Internet nunca foi fonte segura, a começar pelo meio que se propaga qualquer um tem acessolivre, qualquer um pode publicar nota sobre qualquer assunto, não existe controle de veracidade, é tão duvidosa que está sujeita a vírus. Que internet é algo perigoso pra ser confiável, e que no caso específico do caso citado no texto, além da fonte poder ser leviana, ela pode ser alvo de motivos políticos. 
O texto na verdade passa a ideia do que já é creditado, só cimentou a certeza sobreinternet como fonte insegura de referência.
Fonte: http://www.observatoriodaimprensa.com.br 

3. TEXTO 02: “MANIPULAÇÃO DE IMAGEM DESQUALIFICA JORNALISMO SÉRIO.”
[Flávio Rodrigues, jornalista, brasileiro - 12/03/2004]

Para mostrar que uma "alteração" na fotografia causou um problema de desqualificação da matéria e que mesmo o jornal alegando que fez pra poupar do choque no leitor, esse foi...
tracking img