Psicopatologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1932 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE JEAN PIAGET DE ANGOLA
DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS
CURSO DE PSICOLOGIA CLÍNICA










PSICOPATOLOGIAAna Machado G. Manuel






LUANDA, 2012

UNIVERSIDADE JEAN PIAGET DE ANGOLA
DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS
CURSO DE PSICOLOGIA CLÍNICAPSICOPATOLOGIA














Ana Machado G. Manuel





Prof. DR. JAIME SAMPAIO





LUANDA, 2012
SUMÁRIO1. Introdução ------------------------------------------------------------------------ 1,2
2. Relação entre a Psicopatologia e a Medicina---------------------------------- 3
3. Relação entre a Psicopatologia e a Psiquiatria -------------------------------- 4
4. Relação entre a Psicopatologia e a Psicologia --------------------------------- 5
5. Conclusão--------------------------------------------------------------------------- 6
6. Referência Bibliográfica ---------------------------------------------------------- 7









































INTRODUÇÃO

Esta disciplina tem por finalidade, fazer o estudo descritivo dos fenómenos psíquicos decarácter anormal exactamente como se apresentam á experiência imediata, de forma independente dos problemas clínicos. Estudando os gestos, comportamento e as expressões dos enfermos além de relatos e auto descrições feitas pelos mesmos.
A psicopatologia enquanto estudo dos transtornos mentais é ás vezes referido como psicopatologia geral, psicologia anormal, psicologia dopatológico.
É uma visão das patologias mentais, e pode estar vinculada a uma teoria psicológica especifica (como psicanálise, psicologia humanista), uma área da psicologia (psicologia do desenvolvimento) ou mesmo a outras áreas do conhecimento ( neurologia, genética, evolução ). Pode-se dizer que a psicopatologia pode ser entendida por vários vertentes, e estas combinadas dão determinada leitura acerca dosofrimento mental.
Segundo Karl Theodor Jaspers, a Psicopatologia "não tem a missão de recapitular todos os resultados, senão de formar um todo, sua função visa o esclarecimento, a ordenação, a cultura. Tem de esclarecer o saber nos tipos básicos dos factos e na multiplicidade dos métodos, resumi-los numa ordenação natural e, finalmente, levá-los à auto consciência no todocultural do homem. Cumpre uma tarefa específica que vai além da investigação especial do conhecimento".
Completando o pensamento de Karl Theodor Jaspers, diz Gabriel Deshaies que, na medida em que aspira ao conhecimento científico, "a Psicopatologia não se define por dogmas consagrados, senão pelo objectivo de certa investigação sobre o homem enfermo".
A psicopatologiaestuda os fenómenos patológicos ou distúrbios mentais e outros fenómenos anormais. Ela tenta especialmente estabelecer a diferença entre o normal e o patológico.
Na antiguidade Greco-latina , as doenças mentais eram vistas como corpos que sofrem e almas que geram desordem . Por sua vez , a idade média impõem o poder do religioso para explicar e tratar os casos patológicos . O século...
tracking img