Psicologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2006 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO
A infância é o período que vai desde o nascimento até, aproximadamente, o décimo segundo ano da vida de uma pessoa. É um período de grande desenvolvimento físico, marcado pelo gradual crescimento de altura e do peso da criança, especialmente nos primeiros três anos de vida e durante a puberdade. Mais do que isto, é um período cujo ser humano se desenvolve psicologicamente,envolvendo graduais mudanças no comportamento da pessoa e na aquisição das bases de sua personalidade.

A criança tem hoje um papel ativo no seu desenvolvimento e os novos problemas relacionados à infância e ao estilo de vida urbano que surgiu com a violência, o trabalho infantil, a criminalidade, o desamparo. Dentro da psiquiatria da infância, um dos quadros mais problemáticos tem sido o chamadoDistúrbio de Comportamento, anteriormente chamado de Delinquência, o qual se caracteriza por um padrão repetitivo e persistente de conduta antissocial, agressiva ou desafiadora.

Sendo assim, o objetivo deste trabalho é discutir sobre os tipos de distúrbios, seus sintomas, suas causas e consequências do transtorno de comportamento e seu tratamento. Com isso, ajuda-nos na ampliação de nossosconhecimentos em torno de uma doença que afeta o desenvolvimento social, psicológico e de aprendizagem da criança.


2. DEFINIÇÃO DE DISTÚRBIOS DE COMPORTAMENTOS

Para ser considerado distúrbio de comportamento, é um tipo de comportamento problemático deve alcançar violações importantes, além das expectativas apropriadas à idade da pessoa é portanto de natureza mais grave do que as travessuras ou arebeldia normal de um adolescente. Este tipo de comportamento parece preocupar muito mais os outros do que a própria criança ou adolescente que sofre da perturbação.

Seu portador pode não ter consideração pelos sentimentos alheios, direitos e bem estar dos outros, faltando-lhe um sentimento apropriado de culpa e remorso que caracteriza as "boas pessoas". Normalmente há nessas pessoas umademonstração de comportamento insensível, podendo ter o hábito de acusar seus companheiros e tentar culpar qualquer outra pessoa ou circunstância por suas eventuais más ações. A baixa tolerância a frustrações das pessoas com distúrbio de comportamento favorece as crises de irritabilidade, explosões temperamentais e agressividade exagerada, parecendo, muitas vezes, uma espécie de comportamento vingativo edesaforado.

Essas crianças ou adolescentes que costumam apresentar precocemente um comportamento violento, reagindo agressivamente a tudo e a todos, supervalorizando o seu exclusivo prazer, ainda que em detrimento do bem-estar alheio.

Elas podem também exibir um comportamento de provocação, ameaça ou intimidação, podem iniciar lutas corporais frequentemente, inclusive com eventual uso dearmas ou objetos capazes de causar sério dano físico, como por exemplo, tacos e bastões, tijolos, garrafas quebradas, facas ou mesmo arma de fogo.

Outra característica no comportamento do portador é a crueldade com outras pessoas e/ou com animais. Não é raro que a violência física possa assumir a forma de estupro, agressão ou, em outros casos, homicídio. As perturbações do comportamento podemacabar por causar sérios prejuízos no funcionamento social, acadêmico ou ocupacional.

3. TIPOS DE DISTÚRBIOS
3.1 AUTISMOS – Caracteriza-se por uma interiorização intensa um fechamento em si mesmo e por um pensamento desligado do real. Essa incapacidade de relacionamento pode surgir nos primeiros anos de vida e seu maior sintoma é a criança viver em um mundo todo particular. Nenhuma teoriaorgânica ou interpessoal, até então, foi plenamente aceita.
3.2 AGRESSIVIDADE – O estudo da agressividade na criança revela que o convívio social e fatores de agressão no lar contribuem decisivamente para o desenvolvimento da superagressividade na criança. No ambiente escolar, esse comportamento revela-se das mais variadas formas da reação de um ímpeto emocional, caótico e difuso, quando a...
tracking img