Preservativo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2948 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Índice

1 – Preservativo
2 – Pílulas Anticoncepcionais
3 – Métodos Contraceptivos
4 – Laqueadura e Vasectomia
5 – Diafragma
6 – DIU

1 - Preservativo
Preservativo é um método contraceptivo do tipo barreira.
Este é o método contraceptivo mais utilizado em todo o mundo, que ajuda não só no planejamento familiar como também reduz o risco de transmissão de diversas DSTs. É feitode látex ou poliuretano e geralmente já vem lubrificado, existindo em várias cores, aromas e tamanhos. Deve estar presente durante todo o ato sexual: deve colocar-se antes de iniciar a penetração e retirar-se depois da ejaculação, antes que o pênis perca a ereção.
Apesar de ser o método mais eficiente contra a transmissão do vírus HIV (causador da epidemia da SIDA), o uso de preservativo não é aceitopela Igreja Católica Romana, pelas Igrejas Ortodoxas e pelos praticantes do Hinduísmo. O principal argumento utilizado pelas religiões para sua recusa é que um comportamento sexual avesso à promiscuidade e à infidelidade conjugal bastaria para a proteção contra DSTs.
História
Atribui-se ao povo grego o uso de bexigas natatórias de peixes e o uso feminino de bexiga de animais. Na Idade Média,entre fórmulas que incluíam partes sexuais, urina e excremento de animais, o modo supersticioso de contracepção avançava para o uso de um preservativo de linho envoltório, por vezes embebido em substâncias ditas medicinais. Os chineses usavam um envoltório feito com papel de seda untado com óleos. Há relatos de preservativos femininos feitos de vegetais
Nos séculos XV e XVI, a sífilis era umproblema que atemorizava o velho e o novo mundo, quando Gabrielle Fallopio, que descreveu as trompas femininas, realizou o primeiro teste clínico com um preservativo feito de linho e tratado com ervas para prevenir a doença, surgindo daí o nome "camisa de vênus", ou "luva de vênus". Um século depois, um médico inglês - conhecido como dr. Condom - resolveu criar um protetor feito com tripa de animais parao rei Carlos II de Inglaterra, a fim de evitar o nascimento de tantos filhos ilegítimos (No entanto não há qualquer evidência de que tal médico tenha realmente existido).
No século XVII, um artesão desenvolveu preservativo a partir intestino de carneiro, que funcionavam como uma segunda pele. Produzida em escala industrial (1780), a França, famosa por seus prostíbulos, passou a exportar oproduto. Em 1870 surgiram os primeiros preservativos de borracha natural. Entretanto, eram incômodos e não descartáveis. O preservativo de látex é uma invenção americana que se popularizou em 1930. A partir dos anos 1960, perde terreno para a pílula anticoncepcional e medicamentos de combate a maioria das doenças venéreas. O advento da AIDS reabilitou o uso das camisinhas.
Em 1839, o americano CharlesGoodyear descobriu o processo de vulcanização da borracha tornando-a mais maleável e resistente, porém somente em 1870 o preservativo de látex passou a ser fabricada em série.
Vantagens
De fácil aquisição, é o método ideal para relações ocasionais ou imprevistas.
Pode ser utilizado sem contraindicações, e é o único método contraceptivo que reduz a incidência grandemente de doenças venéreas comoa SIDA (Aids no Brasil), a gonorreia, entre outras. Porém pode falhar contra o HPV (Efetividade do preservativo Contra DSTs, WHO, 2004).
Desvantagens
Se for mal aplicado ou utilizado mais de uma vez, pode romper, não evitando a transmissão do sêmen.
Como é de utilização única, o custo de cada preservativo não é um factor desprezível, apesar de, no Brasil, os postos de saúde da rede públicafornecerem gratuitamente preservativos, sendo estes da largura padrão (52 milímetros).
Algumas pessoas são alérgicas ao látex, material de que são compostos a maioria dos preservativos disponíveis (existem também preservativos em outros materiais).
Precauções
Convém utilizar marcas conhecidas com controle de segurança e respeitar os prazos de validade. No Brasil, deve ter o selo de aprovação...
tracking img