Ponto de equilibrio e alavancagem financeira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1215 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
. PONTO DE EQUILÍBRIO
É quando os custos de produção e vendas são igualados à receita, ou seja, a quantidade que eu devo produzir e vender para que supra os meus custos totais.
Ponto de equilíbrio: Receita - Custos = 0

1.1 APLICABILIDADE
 Auxilia a gerencia no desempenho de suas funções de planejamento e de tomadas de decisões em curto prazo.
 Visualização das interações existentesentre fatores significativos presentes nas atividades que influenciam resultados.
 Visualização da situação econômica global das operações e tirar proveito das relações entre custo-volume-lucro.
 Avaliar a lucratividade associada a diferentes níveis de vendas.
 Avaliar mudança, como a terceirização.
 Utilização financeira: (só na área)
 Porque do uso: É usada para determinar o nível deoperações necessário para cobrir todos os custos operacionais.

1.2 TIPOS
PEC: ponto em que a empresa, contabilmente, não terá lucro nem prejuízo.
PEC= custos e despesas fixas
Margem de contribuição unitária (pv - cdv)

PEE: ponto em que a empresa, economicamente, não terá lucro nem prejuízo.
PEE= custos e despesas fixas + lucro operacional
Margem de contribuição unitária (pv - cdv)PEF: ponto em que a empresa, financeiramente, não terá lucro nem prejuízo.
PEF= custos e despesas fixas – depreciação (ou seja, tudo que não sai do caixa)
Margem de contribuição unitária (pv - cdv)

OBSERVAÇÃO: esses valores devem ser comparados um ao outro para perceber qual a maneira em que a empresa menos perde levando em consideração a DRE do período.

1.3 EXEMPLOS
1.3.1GRAFICAMENTE


1.3.2 ALGEBRICAMENTE
Demonstração de Resultado da empresa "XYZ"
ITEM VALORES %
Receita R$ 100.000,00 100 %
( - ) Custos Variáveis - R$ 65.000,00 65 %
= Margem de Contribuição R$ 35.000,00 35 %
( - ) Custos Fixos R$ 28.000,00
= Resultado R$ 7.000,00
PEC= R$ 28.000,00
35 % = R$ 80.000,00


PEE= R$ 28.000,00 + R$ 6.000,00
35 % = R$ 97.142,86PEF= R$ 28.000,00 - R$ 2.000,00
35 % = R$ 74.285,71

FONTE: http://www.fluxo-de-caixa.com/fluxo_de_caixa/ponto_de_equilibrio.htm


2. ALAVANCAGEM FINANCEIRA
É a capacidade da empresa em maximizar o lucro líquido por meio da utilização de encargos financeiros fixos.
O volume de empréstimos e financiamentos e as taxas de juros e encargos contratadas determinam o valordas despesas financeiras apropriadas em cada período de acordo com o regime de competência. Desse modo, as despesas financeiras constituem custos fixos porque dependem da composição das fontes de financiamento e não do nível de produção e vendas (BRAGA, 1989).
Cria a possibilidade de os acionistas da empresa obterem maiores lucros para suas ações, com o uso mais intensivo de capital de terceiros,ou seja, empréstimos (PADOVEZE, 2003).
É a relação entre o capital próprio e o capital de 3º (geralmente empréstimos ou financiamentos) que é aplicado em uma operação financeira, para aumentar o lucro da empresa (rentabilidade). Geralmente essas ações resultam em aumento de risco e de retorno (esta alavancagem é positiva quando capitais de longo prazo de terceiros produzem efeitos positivos sobreo PL, ou seja, quando gera lucros).
Grau de alavancagem financeira = Variação de lucro por ações (%)
Variação de lucro antes do juro e antes do IR (%) (encargos financeiros utilizados na DRE são: juros sobre empréstimos e dividendos de ações preferenciais).

2.1 APLICABILIDADE
Somente empresas que usam capital de terceiros e outras formas de financiamento com custo fixo tem alavancagemfinanceira.
Utilização financeira: mede a sensibilidade de variações (lucro por ação e lucro antes do juro e imposto de renda). Deve ser superior a um para haver alavancagem financeira.

2.2 POR QUE DO USO
 Margem de segurança
 Ponto de indiferença
 Alavancagem operacional


3. ALAVANCAGEM OPERANCIONAL
É a possibilidade de um acréscimo percentual no lucro operacional maior que o do...
tracking img