Personalidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3181 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1-Sigmund Freud, neurologista, ao se deparar com casos de clientes cujos sintomas não faziam sentido do ponto de vista neurológico, começou a indagar se a causa para tais casos tinha fundo psicológico e não fisiológico. Para explorar essa possibilidade após estudos em Paris, que formas de tratamento passou a utilizar? E como essas formas o levaram ao que denominou de psicanálise. Explique.Para explorar essas possibilidades, Freud passou a utilizar a hipnose como tratamento aos seus pacientes.
Freud observa, que a causa dos sintomas apresentados por alguns pacientes, não pareciam ser de origem neurológica ou fisiológica. Busca então, investigar o que se passa no íntimo dos indivíduos. Observa que as reações nas sessões de hipnose, são variadas. Uns reagem calmamente, outros de formaagitada e até agressiva. Em alguns casos, os sintomas melhoravam, em outros, até desapareciam. Ele então descobre o inconsciente e que este, também é responsável pelas ações das pessoas e mexe com o imaginário delas, como os sonhos, as fantasias e os delírios.
Com as reações e comportamentos variando de pessoa para pessoa, Freud passou a usar o que chamou de associação livre. Orientava ospacientes a relaxar e falar o que lhes viesse à mente, mesmo que fossem banalidades ou algo embaraçoso. Ele acreditava que a associação livre, os levava a uma corrente de pensamentos até chegar ao inconsciente, de onde eram recuperadas as lembranças guardadas e que geralmente eram da infância. Esta teoria e técnica associadas, Freud chamou de psicanálise.
2-Freud desenvolveu uma primeira concepçãosobre a mente baseada nos conceitos de consciente, pré-consciente e inconsciente. Demonstre o que entendeu dessa primeira concepção freudiana.
Freud compara a mente com um iceberg, onde o consciente fica na parte aparente, sobre a linha d’água e o inconsciente na parte submersa, de tamanho bem superior. Nesta região, guardam-se os pensamentos, desejos, sentimentos e lembranças adormecidas. Denominatambém uma área de pré-consciente (também submersa), onde se armazena o que pode ser recuperado facilmente para a percepção consciente. O inaceitável e doloroso, ficava reprimido ou bloqueado à força. Mas o inconsciente se infiltra nos pensamentos e nas ações dos indivíduos, mesmo porque ele achava que sem ter a percepção consciente do que está bloqueado no inconsciente, pode-se sofrer suainfluência poderosa.
3-Na segunda formulação, Freud sustenta que três sistemas interativos (id, ego e superego) constituem a estrutura da personalidade. Explique a idéia de resolução de conflitos que está na base de sua formulação e a cada um dos sistemas.
Estudando o comportamento humano, Freud observa o conflito que há na oposição de um instinto ao outro. Os impulsos biológicos, de prazer, as emoçõesde um modo geral e as restrições sociais. Para Freud, a personalidade é o resultado dos esforços para a solução desses conflitos e para que não haja culpa e punição, e sim proporcionem satisfação.
Para ordenar o caos aparente, Freud sustentou que o conflito se concentra em três sistemas interativos, o ID, o EGO e o SUPEREGO.
ID – É a parte mais primitiva da personalidade, é inconsciente, estápresente desde nascimento, traz a herança dos pais “e que se empenha constantemente em satisfazer os impulsos básicos de sobreviver, reproduzir e agredir”. (Introdução à Psicologia Geral - David Myers, cap. 14, p, 297). Os bebês são regidos pelo princípio do prazer, de mamar, do aconchego materno, inclusive de atender as necessidades fisiológicas. São exigentes, até agressivos quando queremsuas vontades satisfeitas não se importam com as condições e com o mundo ao seu redor. O ID é a base para a formação das outras estruturas.
EGO – O Ego se desenvolve a partir do ID. O bebê começa a ter consciência do mundo exterior. Passa a controlar os instintos e tem o poder de decidir se devem ou não ser satisfeitos, adiando-os, trazendo-os para o mundo real, de maneira que o prazer é...
tracking img